Fechar
Vem mudança por aí!

Patrocinadores esperam posição da Globo contra agressão psicológica em 2022

Patrocinadores conversaram com a Globo para decidir como lidar com agressão psicológica e ter alguma mudança já no próximo programa

Aline TorresRepórter do EM OFF

Após a noite histórica dessa terça-feira (06), o BBB pode tomar novos rumos nas próximas edições sobre questões de agressão psicológica. Os patrocinadores do programa querem que os participantes que causarem qualquer tipo de abuso psicológico sejam punidos já na edição de 2022.

Em discurso poderoso, Tiago Leifert deixou claro que a emissora está cansada com certas situações no programa: “Que oportunidade nós estamos tendo de não deixar que isso aconteça no ‘BBB 22’. Tá bom, já. Já deu. Bora pra frente“.

E, pelo jeito, não é só a Globo que não quer ter que lidar com atitudes retrógradas dos participantes do reality nas próximas edições. Os patrocinadores querem se precaver de atitudes que marcaram a edição 21 do programa: racismo, homofobia, machismo e abuso psicológico.

Segundo a coluna de Mauricio Stycer para o UOL, a agência Wunderman Thompson realizou um encontro entre os maiores patrocinadores do BBB, Coca-Cola e Avon, e fizeram um balanço positivo do BBB21 e sugeriram ter uma expectativa de que o reality show mude algumas regras para a edição de 2022.

Em entrevista, Danielle Bibas, vice-presidente de marketing da Avon, afirmou que a saída de Lucas Penteado, logo após ser vítima do que foi chamado de “terror psicológico” dentro do BBB, motivou uma série de conversas com a Globo:

“Uma das conversas que a gente teve é que faz parte do regulamento do BBB que, se uma pessoa agredir a outra, a direção do programa tem o direito de eventualmente expulsar esse participante. Agressão física. O tema que foi levantado é: até que ponto vai a agressão psicológica, que pode se tornar tão ruim ou pior que uma pessoa dar um tabefe na cara do outro”, disse.

A líder da Coca-Cola na América Latina, Poliana Sousa, se posicionou de forma parecida com Danielle: “A sociedade não tolera mais. E o palco de um programa desses, com alta visibilidade, alta exposição, também é palco para estas discussões. E realmente, todos estamos aprendendo. Acho que a Globo vai aprender e as coisas vão evoluindo com o tempo“.

Aparentemente algumas regras poderão mudar no reality e poderemos ver esse resultado já na próxima edição, em 2022.

Tem alguma foto? print? vídeo? ou áudio de alguma fofoca? envie um e-mail para contato@portalemoff.com.br sua identidade será mantida no mais absoluto sigilo