Fechar
Reality show

Bárbara, do ‘BBB22’, já agrediu o irmão gêmeo de Daniel, do ‘BBB20’

Sister também já confrontou Jair Bolsonaro na RedeTV!

Paulo Henrique LimaRepórter do EM OFF

Confirmada na Pipoca do “BBB22”, Bárbara Heck não fará a sua estreia na TV no reality show da Globo. Isso porque, a sister integrou o casting de modelos do extinto “Chega Mais”, da RedeTV!, e protagonizou momentos inusitados no palco da atração que era exibida nas noites de domingo, como por exemplo, afrontar o presidente Jair Bolsonaro (PL) e agredir o irmão gêmeo do ex-BBB Daniel Lenhardt.

Em imagens de 2015 resgatadas por internautas, Tadeu Lenhardt surge querendo abraçar Bárbara, que se afasta e acaba dando um tapa no rosto do modelo. À época, Matheus Mazzafera e Renata Kuerten comandavam a atração e se mostraram surpresos com a reação da agora sister do “BBB”. A cena começou a ser relembrada assim que a relações públicas foi anunciada na atração de Tadeu Schmidt.

A equipe de Bárbara não se pronunciou sobre o feito da também modelo. A sister está confinada em um hotel de luxo na Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio de Janeiro, e vai entrar na casa mais vigiada do Brasil nesta segunda-feira (17), quando estreia o reality show após a novela “Um Lugar ao Sol”. O irmão de Daniel também não comentou a cena do seu antigo trabalho na TV aberta.

Em entrevista ao site do confinamento, Bárbara afirmou que não vai mudar sua maneira de ser para conquistar o prêmio de R$ 1,5 milhão. Aos 29 anos, a modelo aponta sua personalidade como a principal arma para encarar os desafios do jogo. “Acho que a minha arma principal é essa: eu mesma. É só o que eu tenho e é tudo”, contou ela, que não se limitou: “Gosto de umas experiências doidas, de não saber o que vai dar”.

Continua após a publicidade

Barbará também já se aventurou em jejum de 21 dias durante um retiro espiritual. “Foi uma das coisas mais loucas da minha vida. É silêncio! Zero comunicação, zero eletrônicos… Não podia nem fazer contato visual. Foi bem desafiador”, contou a gaúcha, que descreveu o fim do jejum como um alívio. “Quando a gente sai dessas experiências é tipo: ‘meu Deus, agora eu posso fazer qualquer coisa’”.

Ainda no “Chega Mais”, Bárbara, do “BBB22”, afrontou o presidente Jair Bolsonaro ao cobrar explicações sobre declarações polêmicas. “Recentemente, tu deu uma declaração sobre os refugiados africanos aqui no Brasil que eles seriam a escória do mundo, Boa parte do povo brasileiro é descendente europeu, qual tu acha que é a diferença dos imigrantes daquela época pros imigrantes de agora?”.

Bolsonaro gaguejou em alguns momentos da resposta. “Nós não podemos aceitar quem bem quiser… quem quiser entrar aqui que entre. A questão por exemplo dos haitianos, não existe qualquer controle sanitário. Você pra viajar pra qualquer país aí fora você toma aí uma ´serie de vacinar. Pra você ver, o haitianos estão vivendo de Bolsa Família em São Paulo. Temos mais como gastar? Com o desemprego que está aí, mais 3 mil demitidos por dia em nosso país”.

O Brasil com déficit em balanços comerciais, nossa indústria está cada vez mais patinando indo pra trás”. “Temos que atender mais pessoas aqui, trazendo mais problemas pra nós? É isso que nós queremos?”, disse ele, que na época era deputado federal. “Mas eles não seriam bons? Mas imigrante tu é a favor?”, rebateu Bárbara, do “BBB22”. “De forma discriminada não”, respondeu.

Tags Relacionadas: