Fechar
POLÊMICA

BBB22: Arthur Aguiar revela que já foi ameaçado de morte após traições

O ator contou que já foi perseguido e falou sobre a ‘cultura do cancelamento’

Hanna HaikaRepórter do EM OFF

Arthur Aguiar fez uma revelação forte, e contou sobre as ameaças e linchamentos virtuais que recebeu após o cancelamento. Na tarde desta quarta-feira, os últimos sobreviventes da vigésima segunda edição do Big Brother Brasil, que conta com cinco participantes, conversavam sobre assuntos aleatórios na área externa da casa. Pedro Scooby entrou no tópico da cultura do cancelamento. 

O ex-Rebelde que já esteve envolvido em muitas polêmicas com sua atual esposa, Maíra Cardi, por traições extraconjugais, contou que já passou pela experiência da ‘cultura do cancelamento’ e que não foi nada fácil. O ator revelou ter sofrido perseguição e ainda contou que deixou as redes sociais por um tempo. “Não devo imaginar como deve ter sido [cancelamento] pra você”, comentou Eliezer.

“Esquece… Tenho varias paradas printadas. Várias ameaças de morte, que iam me bater e espancar. O pior é os olhares, os olhares eram muito… Teve um período que eu evitava [redes sociais], muita mensagem sinistra”, respondeu o rapaz. Arthur Aguiar já contou dentro da casa mais vigiada do Brasil que durante o momento conturbado de sua vida chegou a cogitar suicidio, e a mesma história foi confirmada pela sua esposa. 

Pedro Scooby comenta relação com a ‘cultura do cancelamento’

Na conversa na área externa da casa nesta tarde de quarta-feira, o surfista comentou sobre a relação que tem com sua ex-mulher e mãe de seus filhos, Luana Piovani, e o que ela posta sobre as crianças nas redes sociais. “Eu sei que não foi a intenção dela fazer nada disso e tal, mas a Luana conversa muito na internet. Ela fala muitas coisas por lá. E, às vezes, fala umas coisas que acontecem na vida dela”, começou.

Continua após a publicidade

E continuou contando a relação da loira e a exposição do filho mais velhot: “Uma vez, ela falou que o Dom estava muito rebelde, pô, um moleque de dez anos… que é isso né?! Todo mundo que tem filhos sabe que o filho passa por uma idade que responde. Aí você educa, melhora e tal. Acho que o grande lance são os pais terem pulso firme para educar e melhorar a situação”, explicou o surfista.

Pedro Scooby ainda revelou que isso resultou em ataques para seu filho em uma rede social. “Tava falando de uma fase do Dom e tal… E mano? As pessoas começaram a ir no Instagram do Dom e criticar o moleque. O Dom não tem nenhum acesso livre ao Instagram, deixo ele postar vídeo e ver os vídeos dos amigos que ele segue  Ele não acessa comentários, para ver quem comentou nos vídeos dele e nem o direct, ele não vê essas coisas”, afirmou Scooby.

“Mermão, a galera tipo: ‘Seu moleque, não sei o quê’, falando como se tivesse falando com um adulto. Sei lá”, continuou o surfista. “Um moleque de 10 anos”, disse Arthur Aguiar espantado.O brother citou mais comentários: “Respeita a sua mãe e o c*ralho não sei o que’, ‘você vai a não sei o que, não sei o que lá”. Mano? Que loucura é essa, o moleque tem 10 anos. O que as pessoas estão pensando da vida?”, contou. 

“Essa onda e geração de cancelamento, ataques de internet é muito forte no Brasil. Eu não vejo isso muito lá fora, rolam até comentários de ‘pessoa fez tal coisa’ mas ninguém quer que a pessoa seja destruída, que pare de trabalhar nada disso. Comentam e a vida vai continuando”, afirmou. Pedro Scooby comparou com a vida cotidiana na qual não acontece ameaças como na internet. Ainda citou o ódio incentivado contra Luiza Sonza como exemplo.