Fechar
É CARO OU NÃO?

BBB22: Classe social vira bate-boca entre Natália e Tiago Abravanel; assista

Nesta quinta-feira (28), antes da festa Boteco Above, Natalia e Tiago Abravanel discutiram sobre diferente realidade social que vivem

Matheus NunesRepórter do EM OFF

A designer de unhas e modelo Natália deu uma aula de classe social para o ator e apresentador Tiago Abravanel nesta quinta-feira (28) antes da festa ‘Boteco da Above’, com show de Ferrugem. A discussão começou quando a produção do Big Brother Brasil enviou o figurino para os participantes e Tiago comentou sobre o valor de um tênis.

No corredor da casa mais vigiada do Brasil, as Pipocas Natália e Jessi, e o Camarote Tiago bateram um papo sobre ‘realidades diferentes’ em que ambos vivem ao receberem o figurino da festa. A assunto foi iniciado por Jessi afirmando que o tênis recebido é legal, porém fora do seu orçamento: ”Um tênis desse aqui é legal, mas é caro”, afirma.

Na visão e realidade social do herdeiro do baú e neto de Silvio Santos, o tênis enviado à Jessi não é caro: ”Esse tênis aqui? Não é!”. nega Abravanel. Jessi responde que para ela é: ”Pra mim é!”, afirma. Em seguida, Abravanel questiona Natália quanto seria um tênis barato para ela: ”Quanto seria um tênis barato para você”, pergunta Tiago. Natália responde: ”Esse dai é 150 reais, um exemplo. Pra gente, hoje, é uma coisa cara”, argumenta.

Durante a conversa, Natália relata para Tiago que está tentando explicar que eles vivem realidades diferentes: ”É isso que a gente está tentando te explicar. São realidades diferentes.”, afirma Sister. Abravanel rebate que ela pode ser criativa dentro da estrutura social dela: ”Mas você consegue ser criativa dentro da sua realidade”, pontua Brother. Natalia conclui que dentro da classe social consegue diferenciar pouco: ”Poucamente. Minimamente”, finaliza.

Continua após a publicidade

Vale lembrar que, ao entrar na casa, o cantor e ator chamou atenção nas redes sociais por estar usando o tênis de um jogador da NBA. O acessório é um Trae Young 1, modelo da Adidas em homenagem do armado do Atlanta Hawks. No site da marca, aqui no Brasil, era vendido por 779,99.

Em sua chamada de apresentação, a designer de unhas revelou que começou a trabalhar muito cedo, com apenas 9 anos de idade, ao ver todo esforço da mãe: ”Via todo o esforço que minha mãe fazia para manter a casa e ficava sem graça de pedir algo. Então, falei: ”Vou trabalhar, ter meu dinheiro e comprar as coisas que quero”, conta ela.

A sister da casa mais vigiada do país revelou também que aos 8 anos já fazia docinhos para vender e já trabalhou com recreação infantil. A integrante relatou que durante a pandemia voltou a trabalhar no salão da mãe. Porém, luta para conseguir oportunidades na TV como modelo, dançarina ou figurante.