Fechar
CRIME VIRTUAL

BBB22: Douglas Silva é alvo de ataques racistas após ‘apagão’

O ator sofreu diversos ataques racistas nas redes sociais após falha inusitada no programa

Hanna HaikaRepórter do EM OFF

Na última noite de terça-feira (31), um momento inusitado aconteceu durante o BBB22. Durante o jogo da discórdia, a casa mais vigiada do país sofreu uma brusca queda de luz ao vivo enquanto o ator Douglas Silva falava sobre seus desafetos em relação aos seus colegas de confinamento. O momento viralizou e rendeu nas redes sociais.

Entre piadas e questionamentos da situação, ataques racistas direcionados a Douglas Silva ganharam a atenção de internautas. Ataques gratuitos surgiram em forma de “piada” usando o nome do ator indicado ao Emmy, alguns tweets tomaram atenção do público devido ao teor de racismo envolvido.

Acabou a luz, e o Douglas desapareceu”, disse uma internauta no Twitter. Comentários parecidos foram replicados diversas vezes, e os fãs de Douglas repreenderam os ataques nas redes sociais. Um fã clube do ator disse, “Não adianta excluir que o print é eterno! Isso é a torcida de vocês? Estão de parabéns!”, expondo a fala racista da internauta. 

Douglas Silva vem enfrentando ataques diários de racistas desde sua estreia na atração, como parte do grupo camarote. A família do ator registrou ocorrência na Polícia Civil contra um blog que está postando conteúdos racistas contra o participante do Big Brother Brasil 22. Os advogados que representam o ator compareceram na tarde da última quarta-feira (26) na Decradi (Delegacia de Crimes Raciais e Delitos de Intolerância) e formalizaram o registro de ocorrência.

Continua após a publicidade

De acordo com a polícia, diligências estão sendo realizadas para esclarecer os fatos. Segundo post da mulher de Douglas Silva, Carol Samarão, no Instagram, no mesmo blog do WordPress existem mensagens de ódio que também foram feitas contra outros participantes da edição: Linn, Natália e Luciano. Sobre Douglas, especificamente, um texto no blog o chama de macaco, entre outras ofensas racistas.

Um segundo texto foi publicado contra o ator na terça-feira (25). “Estamos tomando todas as medidas cabíveis para que atos como esses não se repitam“, escreveu Carol, dizendo também ser “inacreditável, inadmissível e inconcebível que isso ainda aconteça nos dias atuais“.

Após recebimento de ofício da Delegacia de Crimes Raciais e Delitos de Intolerância do Rio de Janeiro (Decradi), a WordPress (plataforma que veiculava o blog com ofensas racistas contra o ator Douglas Silva), retirou o conteúdo do ar. A informação foi confirmada por Ricardo Brajterman, que representa Douglas e sua família. Ele disse ainda que o próximo passo é ouvir o suspeito de ter promovido as ofensas.

O autor do texto que chama Douglas Silva de “macaco” mora em Novo Hamburgo, no Rio Grande do Sul, identificado como Aristides Mathias Flach Braga, já foi alvo de investigação policial pelo crime de racismo em 2021. O suspeito também faria parte de um grupo que planeja ataques também contra judeus e gays, conforme apurou a Decradi.

O rapaz de 25 anos, também é suspeito de integrar um grupo nazista. “O suspeito é monitorado e há forte desconfiança de que ele faça parte desses grupos pelos processos que ele já tem“, afirmou Brajterman em reportagem.