Fechar
VAR

BBB22: Globo desmascara Paulo André após surto na Prova do Anjo

Atleta se revoltou com produção após ter sido desclassificado da disputa pelo colar de imunidade

Paulo Henrique LimaRepórter do EM OFF

A Prova do Anjo no “BBB22” que ocorreu na tarde deste sábado (19) virou cenário de um surto de Paulo André com a produção do programa. Isso porque o atleta foi desclassificado da disputa pelo colar após descumprir uma das regras. Revoltado com a decisão da Globo, o brother disparou xingamentos e foi repreendido pela voz do Big Boss, que pediu para que ele aguardasse a conclusão da atividade no quarto Lollipop.

Na dinâmica, os competidores foram divididos em duplas e competiram em chaves. Em um banheiro gigante, os participantes precisavam encontrar cards de uma marca patrocinadora que estavam escondidos em diferentes pontos do cenário. Ao final, posicionar todos em uma área determinada antecipadamente e apertar o botão para disparar um sinal sonoro e concluir a prova.

Paulo And´re disputou a primeira chave contra Eslovênia Marques, que acabou avançando de fase após sua eliminação da Prova do Anjo. O atleta posicionou um dos cards em falso e correu para apertar o botão. No entanto, antes mesmo de acionar o sinal sonoro, o objeto caiu no chão, o que foi expressamente proibido pela produção do “BBB22”. Os brothers e sisters foram avisados que todos os cards precisavam ficar posicionados na área determinada antes de apertar o botão.

Eliminado, o ex-affair de Jade Picon disparou palavras como “p**** e “p*** *** *****”, antes de deixar o estúdio em que ocorreu a disputa. No quarto Lollipop, o amigo de Pedro Scooby ficou o tempo todo em silêncio e não parabenizou sua concorrente pela classificação na corrida pelo colar de imunidade. Após a realização da dinâmica que terminou com Lucas Bissoli vencedor, a Globo mostrou o VAR em que o surto do atleta olímpico foi em vão.

Continua após a publicidade

“P.A, ali quando você foi colocar o quinto card tem um ‘apoiozinho’ para você botar o card, certo? Invés de apoiar, você colocou por cima do apoio, então em nenhum momento ele parou na bancada. Você deixa o card e vai contar os outros para ver se estavam cinco certinhos e quando você larga o card, o quinto, ele cai e quase bateu no seu pé”, explicou Tadeu Schmidt na cerimônia do anjo da semana.

Paulo André se mostrou convencido com o VAR da Globo, mas o apresentador do “BBB22” reforçou o erro do brother em deixar o card cair no chão e apertar o botão. “Eu estou falando com vocês e estou revendo a cena. Você [P.A] largou por cima do apoio e quando você sai para apertar o botão, o card já caiu e aí você vai e aperta”.

Douglas Silva, aliado do atleta no jogo, tentou argumentar que o comunicador deveria ter avisado sobre o card fora da área determinada. Tadeu, então, reforçou: “Não dava tempo. No momento em que ele passou de um totem para o outro não tinha tempo de fazer nada. E eu não poderia fazer nada, vocês perceberam que em nenhum momento eu pude alertar vocês.. Ah não ser quando duas pessoas quiseram pegar do expositório os cards.”.

Tags Relacionadas: