Fechar
Ela é o momento

BBB22: Natália diz que Eslovênia não muda o roteiro

A modelo falou que a pernambucana não troca de voto

Fábio SaraivaRepórter do EM OFF

Em dia de reunião de condomínio, Tadeu Schmidt chegou na avenida do BBB22 como jurado técnico. Isso porque, ele elogiou Natália Deodato, que sambou muito bem durante esta tarde com a presença da Escola de Samba Beija-Flor de Nilópolis. O apresentador brincou com a mineira ao falar que a moça foi nota dez. A design de unhas riu e disse que sentiu várias emoções. Então, ele ressalta para os outros participantes como deve ser a ordem no jogo da discórdia: nome e depois a justificativa. 

O jogo da discórdia funcionou assim, cada um dos participantes deveriam apontar um protagonista, antagonista, coadjuvante e por fim, um figurante. Na vez de Natália, Tadeu Schmidt pediu para que ela se colocasse na história do reality e lembrou que ela não tinha sido citada em nenhum momento por ninguém. A mineira se colocou como protagonista do BBB22.  Ela iniciou o discurso: “Eu sou protagonista. Acredito que a gente não é o que acontece com a gente, a gente é o que a gente decide ser”. 

“Eu não vim aqui para me colocar como vítima em momento nenhum quando eu passei por aquela porta. Entrei decidida me doar 100% e acredito que aqui eu tenho feito muito isso”, disse Natália. Ela falou que tem aproveitado ao máximo as festas, tentando ir bem nas provas e também amizades, no coletivo. Entretanto, a design de unhas sabe que não está quieta no jogo, mas quando não gosta de alguma coisa, ela fala. 

Natália não surpreende nas escolhas

A mineira escolheu como antagonista a Miss Pernambuco. Ela disse que Eslovênia não consegue mudar o “script” e que a moça sempre tem foco nela. “Acredito que nosso jogo não é compatível, principalmente por eu ser opção de voto dela”.  No entanto, Natália disse que sua relação com a colega de confinamento tem crescido e que tem deixado a modelo bem feliz com a aproximação. A moça enrolou um pouco para falar que era a namorada de Lucas Bissoli e Tadeu Schmidt interrompeu a moça perguntou quem era a pessoa que ela estava falando.

Continua após a publicidade

Como coadjuvante, Natália não surpreende. Ela escolheu sua amiga Jessilane Alves, assim como na dinâmica passada, quando a escolheu como “minha maior aliada”. Nesta segunda-feira (28), ela reafirmou sua amizade com a professora de biologia. “Desde o início, independente de qualquer coisa, ela esteve sempre ao meu lado“, declarou. Ela avisou que poderia ser outras pessoas como coadjuvantes de sua história, assim, ela citou Linn da Quebrada, Douglas Silva e Lucas Bissoli. “Só gratidão”, finalizou.

Por fim, continuando sem surpreender, ela escolheu Vinicius como figurante de sua história. Antes de mencionar o cearense, ela falou que poderia ser Larissa Tomásia, mas ela ressaltou que não queria repetir a conversa que ela teve com a pernambucana. “Hoje vou colocar o Vyni no sentido de um alerta. Acredito que ele tá de esquivando, eu acredito que você pode muito mais”. Em meio ao aviso, ela rasgou elogios ao rapaz, que respondeu mandando um beijo para a “amiga”.

Fim da dinâmica

Com o fim do jogo da discórdia, Tadeu Schmidt revelou que Pedro Scooby foi o único que não se colocou como protagonista, e por ter colocado Paulo André na posição principal, o atleta foi o único participante que mais recebeu o título. Entretanto, P.A. ganhou três indicações para figurante. Mas, ele perdeu para Vyni que conseguiu quatro nomeações. Laís acabou sendo escolhida três vezes como a maior coadjuvante da edição. Na contra mão, Linn da Quebrada é a grande antagonista do BBB22. Isso porque, a cantora foi quatro vezes designada ao papel. Por fim, Natália não foi citada nenhuma vez.

Na próxima terça-feira (01), o público vai conhecer mais um eliminado da casa mais vigiada do Brasil. Quem sai: Arthur Aguiar, Larissa Tomásia ou Linn da Quebrada? Caso Arthur volte, ele empata com Natália em número de paredões vencidos. A mineira voltou três vezes do páreo. Lina pode fazer história ao voltar, é a primeira travesti a voltar de uma berlinda. A primeira transexual participante do programa, há dez anos atrás, Ariadna Arantes, foi eliminada no primeiro paredão do BBB11.