Fechar
REALITY SHOW

Natália, do ‘BBB22’, é ‘fã’ de Bolsonaro e casou aos 15 anos

Modelo de 22 anos segue perfis de direita nas redes sociais

Paulo Henrique LimaRepórter do EM OFF

Confirmada na Pipoca do ‘BBB22’, Natália, de 22 anos, casou aos 15 e se divorciou aos 18. Natural de Belo Horizonte (MG), a modelo se diz determinada quando quer conquistar alguma coisa e que aprendeu ao longo da vida a ser uma pessoa forte. A sister, candidata ao prêmio de R$ 1,5 milhão, também trabalha como design de unhas e se diz pronta para se jogar de cabeça no reality show da Globo.

Seguidora do presidente Jair Bolsonaro (PL) nas redes sociais, a participante do programa da Globo, costuma compartilhar cliques de viagens nas redes sociais e segue perfis de direita ligados ao presidente Jair Bolsonaro. Um deles, aliás, luta pela manutenção dos valores da família tradicional brasileira, um dos pilares do governo do mandatário.

“Quando eu quero alguma coisa, vou atrás. Não importa como”, afirmou em entrevista ao site oficial do programa. A participante da atração que será comandada por Tadeu Schmidt sonha em trocar beijos com o cantor Xamã, intérprete de “Gato Siamês”, mas garante que o cantor não seria a primeira celebridade que ‘beijaria’. Isso porque, ela garante que já se envolveu com um ator, um modelo e dois cantores.

Aos 10 anos, Natália, do “BBB22”, foi diagnosticada com a doença de vitiligo. Em chamada de apresentação exibida na Globo, a sister contou que a primeira mancha saiu no olho e que não se aceitava com as mudança na pele. “Eu tinha vergonha, tapava, até eu consegui entender o que é e me respeitar dessa forma”. Ao site do programa, a participante da atração revelou que passou por tratamentos dolorosos.

Continua após a publicidade

“Isso me acarretou alguns traumas, porque tudo que é novo é difícil de lidar. O que mais gosto no meu corpo é o meu vitiligo! Quando falam que sou manchada, agradeço. Não tenho problema nenhum e sinto prazer em falar sobre ele, porque, infelizmente, o que falta nas pessoas é informação”, opinou a mineira.

Natália, do “BBB22”, começou a trabalhar aos 8 anos de idade fazendo bombons para vender na rua. Aos 12, conseguiu a oportunidade de atuar com recreação. Anos depois, abriu um salão de beleza em sociedade com a mãe, com quem trabalha atualmente. “Via todo o esforço que minha mãe fazia para manter a casa e ficava sem graça de pedir algo. Então, falei: ‘Vou trabalhar, ter meu dinheiro e comprar as coisas que quero’”.

No confinamento, a modelo garante que não vai se limitar a movimentar o edredom e que não costuma ter só um ficante. “Só no meu celular deve ter uns dez crushes, cada um se acha especial. Pensei mil vezes nisso, mas acho que não podemos fazer planos, temos que viver. Não é o meu foco, mas pode acontecer. Quem sabe não tem alguém interessante na casa que valha a pena um edredom?”.

Tags Relacionadas: