Fechar
Reta final

BBB22: Defeitos e qualidades do Top Five

Cada brother construiu sua trajetória e o público já tem seus favoritos

Cíntia LimaColunista do EM OFF

O BBB22 finalmente chegou ao seu Top Five, o top cinco do jogo, reúne 5 homens na casa e a trajetória individual foi determinante para essa fase final do jogo. Cada brother traz sua história, todos jogaram, alguns de maneira explícita, outros nem tanto, com defeitos e qualidades o campeão sai desse top five.

Arthur Aguiar, é o favorito há muito tempo no jogo. Tem a seu favor a capacidade gigantesca de sempre ter enxergado o jogo com inteligência e pautado suas ações com muita sabedoria e coerência. Oratória de tirar o chapéu e vontade de jogar. Seu defeito é sempre querer que tudo aconteça a seu favor, embora tenha lutado muito para se manter no jogo, não dá para exigir dos outros ser sempre a prioridade. Errou ao escolher aliados que nunca o aceitaram, foi desgastante mas importante para ser o queridinho do público.

Douglas Silva, o DG é o melhor sorriso da casa. Carismático ao extremo, fez dois grandes aliados, PA e Scooby. Divertido nas festas, não entrou fundo nos embates. Foi um revocado por Lina, mas sempre mordeu e assoprou. Teve sorte de enfrentar adversários mais fracos nos paredões. Seu grande defeito no game foi justamente fugir muito do jogo, se recusou muitas vezes em ouvir as estratégias e cansou o público.

Eliezer, o lollipopers que resistiu a maldição e é uma surpresa na reta final. O publicitário ficou boa parte do jogo sob a proteção do maior grupo da casa. Tem como qualidade a sua personalidade amistosa. Eli é gente boa, não fez nada grave que o queimasse e sua relação com a Natália foi tão desgastante que o público chegou a ficar até com pena do brother. Nunca votou em Arthur e hoje ganha força com o apoio da torcida do brother, a “padaria” gosta de Eliezer. Seu maior defeito foi justamente ter construído uma narrativa um pouco pobre e a sombra de outros.

Continua após a publicidade

Paulo André, o PA, atleta, ótimo em provas e divertido com os meninos. PA conquistou muitos fãs aqui fora com seu jeito descontraído e agradou ao público por parecer amigo do Arthur Aguiar. Foi ganhando força e simpatia. Seu pior defeito surgiu agora na reta final. Para o público PA não é e nunca foi amigo de Arthur, virou “traíra” é isso pode ser determinante para sua derrota no jogo.

Pedro Scooby, o surfista gente boa, que nunca ligou pro jogo. Opa, opa, não é bem assim. Scooby imprimiu sua filosofia de vida na casa, sempre com um conselho para quem precisasse, as escolhas sempre feitas com o coração e o bom amigo. No entanto, Scooby já não consegue disfarçar que não gosta de Arthur e sua implicância com o brother e a necessidade de sempre estar certo causa uma sensação desconfortável no público. Ninguém é santo, nem perfeito, nem o Scooby!

Lógico que algumas características que vem agradando ou desagradando o público giram também em torno de Arthur Aguiar, por ser o favorito. É impossível não fazer uma análise que não resvale do favorito, que essa matéria também já mostrou seus defeitos.

Entre coisas boas e nem tanto, cada brother é um ser humano normal e com suas imperfeições.
Com qualidades e defeitos só um detalhe diferenciará o vitorioso dos demais, o R$ 1,5 milhão no bolso.