Fechar
Recuperação

Conrado, da dupla com Aleksandro, continua na UTI e passa por nova cirurgia

Acidente vitimou 6 pessoas, inclusive Aleksandro que fazia dupla com Conrado

Cíntia LimaColunista do EM OFF

Quase um mês depois do acidente que vitimou seis pessoas da equipe da dupla e feriu onze, Conrado, da dupla com Aleksandro, continua internado na UTI e acaba de passar por um novo procedimento cirúrgico.

Conrado é um dos sobreviventes do violento acidente que ocorreu em 7 de maio na rodovia Régis Bittencourt e sua recuperação é gradativa e necessita de muitos cuidados. Segundo O Globo, João Vitor Moreira Soares, de nome artístico Conrado, permanece internado desde o dia do acidente.

Ao longo desse período, o artista já foi intubado, precisou passar por uma cirurgia e colocar pinos na bacia estabilizar o quadril.
Ainda na UTI, Conrado foi extubado e passou por novo procedimento cirúrgico, o enxerto de pele.

Conrado tinha um grave ferimento nas costas e o enxerto cutâneo foi imprescindível.

O enxerto cutâneo é um procedimento cirúrgico realizado em situações onde ocorre a perda da pele, seja em sua camada superficial (epiderme) ou intermediária (derme). Esse processo é caracterizado pela remoção de uma porção de tecido de uma área saudável do corpo, realocando-a sobre a parte lesionada. Indicada para casos em que o ferimento não tem perspectiva de melhora apenas com curativos, essa medida reduz a área exposta, diminui a probabilidade de contaminação e desidratação da área afetada e acelera o processo de cicatrização.

Conrado está se recuperando e os pais do artista classificam que tudo isso é um milagre. Ainda em recuperação, Conrado está lúcido, conversando e sem nenhuma sequela. Embora a UTI assuste um pouco, é o melhor lugar nesse momento, pois todos os recursos estão disponíveis e alguns procedimentos precisam ser feitos no local.

Sobre o acidente, a perícia concluiu que embora seja difícil precisar o momento que os dois pneus explodiram, se foi na hora do acidente, ou um pouco antes, é possível afirmar que o laudo pericial do Instituto de Criminalística (IC) revela que dois pneus do ônibus da dupla sertaneja Conrado e Aleksandro apresentam sinais de explosão. Os danos, segundo o documento, “sugerem a ocorrência de impacto do pneu contra algum tipo de obstáculo na via”, como “buraco, pedra, objeto grande”. Os pneus também eram novos e de baixa rodagem.

A Polícia Civil analisa novas imagens do ônibus e 13 testemunhas prestaram depoimento à Polícia Civil sobre o acidente. Entre elas, o homem que filmou o ônibus da dupla momentos antes do acidente. O tempo estimado para a conclusão do inquérito policial é de 30 dias. Entretanto, o período pode ser prolongado até o fechamento de todos os laudos periciais. A polícia ainda deve ouvir o cantor Conrado e o músico Júlio Cesar, que seguem internados.


Aliás, Júlio César também se recupera e assim como Conrado, chorou muito ao saber das mortes ocasionadas pelo acidente.