ExclusivoFaustão não abre mão de ter seu programa diário na Band

Apresentador faz questão de ter seu programa diário no horário nobre da emissora

Cíntia Lima
Colunista do EM OFF

Nos últimos dias, o programa do Faustão na Band vem sendo assunto e gerando muita pauta. As demissões, diminuição de horário, verbas cortadas e audiência abaixo do esperado. O que esta coluna apurou com exclusividade, é que, o grande apresentador Faustão não abre mão de ter seu programa veiculado diariamente de segunda à sexta. Ele não aceita mudar isso. 

Independentemente das informações já divulgadas refletirem a realidade do programa do Faustão na Band, existe a palavra final. A palavra final vem de Fausto Silva. Além de toda credibilidade construída e consolidada ao longo dos anos, existe também um profundo carinho e respeito da Band com o apresentador. 

O que se sabe até agora é que o programa tem um custo muito alto e não estaria se pagando. Como já antecipado com exclusividade pelo Em Off, as demissões foram inevitáveis, mais de 40 profissionais já foram desligados da empresa, as verbas em alguns setores do programa foram cortadas pela metade e após uma pausa de duas semanas em julho, onde irá ao ar programas gravados, a atração perderá 30 minutos de arte. Hoje, Faustão tem 100 minutos de arte e já é um fato que a última meia hora está derrubando a média de audiência do programa. 

Essa nova estratégia de deixar o programa com 70 minutos de arte já é uma forma de tentar recuperar a média da atração. E caso dê certo, será um alívio e respiro para os problemas que o programa vem enfrentando.  Existe uma outra possibilidade também, com menos força, mas existe. A Band estuda a possibilidade de Faustão ter um horário bem maior nos finais de semana, nos mesmos moldes que tinha no Domingão do Faustão, na Rede Globo.

Outra informação é que a atração será exibida duas ou três vezes por semana a partir de 2023. Quanto a isso, Faustão não aceita. O apresentador não abre mão do programa diário. Isso tem a ver com orgulho e necessidade de se firmar no horário nobre da emissora. Qualquer mudança em relação a isso, significaria “derrota” para o apresentador. 

Faustão começou na Band, eternizou e deixou sua marca com o Perdidos na Noite, brilhou nos 30 anos em que esteve na Rede Globo e voltou para emissora do Morumbi com toda pompa e festa que merece. Tirá-lo do programa diário, significa ferir seu ego, mexer com seu orgulho e assumir que as expectativas foram maiores que a realidade. Faustão não aceita essa provável mudança e com certeza não medirá esforços para fazer valer a sua vontade e seu desejo. 

Vamos aguardar, para ver se a Band terá argumentos suficientes para fazê-lo aceitar essa mudança.