Fechar
Superação

Gabily revela que vem perdendo a audição desde criança

A cantora teve problemas no início da carreira, pois praticamente não ouvia do ouvido direito

Cíntia LimaColunista do EM OFF

A cantora Gabily, hoje com 26 anos resolveu revelar seu problema de surdez e declara: “Escuto cada vez menos, estou perdendo a audição e este problema me acompanha desde criança”.

O público ficou surpreso com esta revelação, pois a cantora é jovem e ao detalhar tudo que vem passando, explicou que um dos motivos que a fez revelar a surdez de um ouvido, é o fato da cantora muitas vezes não responder aos fãs que a cumprimentavam de longe, já que não escutava.

Essa condição foi descoberta ainda na infância, e quando criança chegou a ser criticada por gritar demais ao microfone. Em entrevista à Quem, a cantora conta que o tratamento não podia ser bancado pela família e isso a fez continuar perdendo a audição. “Descobri quando estava com 6 para 7 anos de idade, já na escola. Meu pai percebeu porque sempre que eu ia falar ao telefone, colocava o aparelho no ouvido esquerdo. Quando eu tentava passar para o direito, só ouvia bem se estivesse num lugar silencioso, porque o som vazava e eu ouvia pelo outro lado. Se falassem comigo pessoalmente num lugar barulhento, como na igreja que eu frequentava, não entendia nada”.

Gabily foi levada ao médico, alguns testes foram feitos e a constatação foi de que as palavras ditas no ouvido direito eram interpretadas de maneira errada, o ouvido esquerdo funciona perfeitamente. “Hoje tem 15% só de audição no ouvido direito e escuto cada vez menos”.

Continua após a publicidade

Essa condição a prejudicou no início da carreira e amigos também a alertavam do quanto ela falava alto. “Isso me prejudicou muito quando comecei a fazer shows porque contratantes diziam que eu gritava demais no microfone, que meu show era muito gritado. Eu sempre falo mais alto do que o normal porque estou me escutando baixo. Fiz muito tratamento com fonoaudiólogo para hoje conseguir falar de uma maneira tranquila e hoje fazer meus shows. Tento sempre falar mais baixo do que de costume, entendendo que meu baixo é o normal para as outras pessoas”.

Hoje, Gabily canta com um fone que dá o retorno adequado, já se adaptou à surdez e aprendeu a falar um pouco mais baixo.

Tags Relacionadas: