Fechar
Crise de audiência

O que está acontecendo com o SBT?

SBT enfrenta crise de audiência desde o ano passado e novas mudanças só pioraram a situação.

Cíntia LimaColunista do EM OFF

Uma das emissoras mais queridas e respeitadas é o SBT (Sistema Brasileiro de Televisão), sob o total comando do maior comunicador do país, Silvio Santos, a emissora está derrapando em audiência e dando um verdadeiro nó na cabeça dos telespectadores e dos executivos do canal.

Todo mundo sabe que nada acontece dentro do SBT sem o aval de seu dono, Silvio Santos. Esteja ele, no Brasil ou no exterior, o dono do baú é quem bate o martelo e toma todas as decisões importantes. Silvio decide quem fica, quem sai, os programas, as novelas, as mudanças de horário e o que entra ou sai da grade.

Sem ousar questionar a genialidade de Senor Abravanel e o verdadeiro império construído ao longo dos anos, além do respeito inquestionável que a emissora merece, fica também, impossível ignorar os fatos.

Os efeitos catastróficos em relação a queda de audiência da emissora começaram no ano passado e estão se intensificando desde o início do ano. Algumas mudanças mais recentes contribuem também. A saída do programa Bom Dia & Cia não foi assertiva e deixou de incomodar a Record na grande São Paulo. A perda do segundo lugar nas manhãs está ocasionando um verdadeiro “efeito cascata” na programação vespertina. Sem contar as mudanças desastrosas durante a tarde.

A decisão de colocar novelas seguidas na hora do almoço, as mudanças de horário de “Casos de Família” e “Fofocalizando”, ignorar o fato que o público fideliza os programas, o telespectador cria hábitos difíceis de perder e a mudança gigantesca na parte da manhã, são fatores responsáveis pela queda vertiginosa da audiência da emissora. A queda do SBT foi de 25%.

Na tarde de segunda-feira (23/05), a emissora da Anhanguera chegou a amargar uma audiência abaixo do 1 ponto, fato que não acontece há anos, nem durante as madrugadas da emissora.

O SBT também enfrenta um reflexo de problemas antigos. A manutenção de programas que claramente foram se desgastando ao longo dos últimos anos. As novelas infantis, por exemplo, que chegavam a dar 15 pontos nos anos 2000, hoje alcançam no máximo, 7 pontos.

Tags Relacionadas: