Fechar
Revoltada

Paolla Oliveira opina sobre polêmico caso de aborto

Atriz usa sua rede social para um desabafo profundo e necessário

Cíntia LimaColunista do EM OFF

A atriz Paolla Oliveira resolveu não se calar diante do polêmico caso de aborto que envolve uma garotinha de 11 anos que ficou grávida após ser vítima de estupro.

Este caso ganhou as manchetes de todo o país e vem gerando muita revolta e indignação por parte dos famosos e Paolla Oliveira resolveu dar sua opinião, e usou sua conta no Instagram para isso. A garotinha vítima de estupro, teve o procedimento de aborto negado em um hospital de Florianópolis. Ela estava com 22 duas semanas e 2 dias de gestação. A Juíza Joana Ribeiro Zimmer é a autora da decisão que negou à criança o procedimento para interromper a gravidez.

 No Instagram a atriz opina. “É muito difícil pra uma mulher ler tudo que está relacionado a esse caso. Imagine para uma menina, uma criança, estar vivendo isso. E quando eu falo em mulher, falo de ser humano, não de alguém como essa juíza que induz e coage uma criança a ter uma gravidez indesejada”.

Importante ressaltar que Paolla assistiu ao vídeo da audiência e ficou com muita raiva e tristeza. ““Não basta toda a violência sofrida por essa criança? Como essa juíza pode achar que a felicidade e dignidade de uma criança (e consequentemente de toda sua família) é menos importante que a felicidade de um casal adotante que nem existe ainda? Como alguém pode olhar no rosto de uma menina em sofrimento absoluto e não protegê-la? Não acolhê-la? É nojento”.

Continua após a publicidade

Paolla abraça o protesto que levanta a bandeira. “Criança não é mãe, criança não é incubadora. Estuprador não é pai, estuprador é criminoso”.

“Que se faça a justiça que essa juíza não foi capaz e não teve interesse de fazer. Que se desfaça a violência que essa juíza cometeu”.

Nos comentários Paolla conta com o apoio de centenas de seguidores.

Veja post: