Rejeição

Presença de Bruna Karla em festival revolta internautas

Há algumas semanas, Bruna Karla foi alvo de polêmica após proferir frases homofóbicas

Cíntia Lima
Colunista do EM OFF

A cantora gospel Bruna Karla que recentemente ficou conhecida por pronunciar falas homofóbicas em entrevista ao podcast Positivamente, foi confirmada no festival Sou Manaus e esta confirmação causou revolta nos internautas.

O evento reúne shows musicais locais, workshops, lançamentos de livros, apresentações teatrais, exibições de filmes e exposição de arte. A escolha de Bruna Karla no mínimo causou estranheza e indignação de vários internautas e sua presença no festival não bem vista pelo público.

São várias as manifestações de repúdio. “Repudio veementemente a presença de Bruna Karla no Sou Manaus. Nós LGBTQIA+ lutamos para sobreviver todos os dias no Brasil. Não quero fomentar ódio. E eu, como artista, não tenho medo das represálias que posso encarar como participante de editais”. Declarou a jornalista Malu Dacio.

Outro internauta fala diretamente com a prefeitura de Manaus e questiona como a organização ode escolher alguém que destilou homofobia na internet, que inclusive é crime.

Alguns moradores da região também não gostaram de saber que a artista está confirmada no festival

Vale relembrar que em 15 de junho, a cantora Bruna Karla usou frases homofóbicas ao ser convidada para o casamento de um amigo homossexual ao dizer claramente que sela só iria se ele se casasse com uma mulher linda e cheia do poder de Deus.