Caso de Polícia

Ricky Martin é acusado de violência doméstica

Ordem de restrição foi emitida contra o artista

Cíntia Lima
Colunista do EM OFF

O cantor Ricky Martin está sendo acusado de violência doméstica em Porto Rico e mídias locais afirmam que a ordem de restrição vem de uma pessoa anônima.

A denúncia foi feita sob a lei 54, que protege as vítimas de violência doméstica e mantêm o nome do denunciante em sigilo. Segundo o portal Telemundo, a polícia confirmou neste sábado (02) que uma ordem de restrição foi emitida contra o artista. Ricky Martin é casado há 5 anos com Jwan Yosef, com que tem 4 filhos.

Segundo as últimas informações, a suposta vitima pediu a ordem de restrição diretamente a uma juíza, ao invés de registrar o caso na polícia. A vítima foi atendida após apresentar provas e uma audiência sobre o assunto já teria sido agendada para o dia 21 de julho.

De acordo com o portal El Vocero que teve acesso aos documentos do processo, as partes envolvidas no caso se relacionaram por 7 meses e se separaram há dois meses. Segundo informações o acusado não aceita a separação. Ainda no processo consta que o acusado liga frequentemente e o denunciante também o viu rondando sua casa por pelo menos 3 ocasiões e a suposta vítima teme por sua segurança. De acordo com o porta-voz da polícia, a ordem proíbe Ricky Martin de entrar em contato ou ligar para a pessoa que apresentou a denúncia. Normalmente esses pedidos valem por pelo menos um mês.

Representantes do cantor negaram todas as acusações à People, “As alegações contra Ricky Martin que levam a uma ordem de restrição são falsas e fabricadas e estamos confiantes que quando os fatos verdadeiros sobre este assunto forem revelados, Ricky Martin será totalmente inocentado”.