Fechar
ACIDENTE TRÁGICO

Acidente causado por Luísa Mell deixa vítima em estado vegetativo

Bruna da Silva Viana, que estava na garupa da moto fechada pela apresentadora, não fala, não anda e se alimenta por sonda

Erlan BastosColunista do EM OFF

Uma história que envolve a apresentadora e ativista pelo direito dos animais Luísa Mell, que se desenrola há 13 anos, ganhou novos desdobramentos. Em 2008, a famosa se envolveu em um acidente de trânsito na cidade de São Paulo. Apesar da ex-esposa do empresário Gilberto Zaborowsky não ter se ferido, outra vítima do ocorrido segue, até hoje, em estado vegetativo.

Na madrugada do dia 29 de junho de 2008, a apresentadora dirigia seu veículo de luxo, um Mitsubishi Pajero, pela Avenida Francisco Morato, famosa em São Paulo. De acordo com o portal de notícias G1, que noticiou o acidente na época, Luísa Mell seguia para a casa de amigos. Por volta das 3h20, a famosa fez uma conversão à esquerda para acessar a Avenida Jorge João Saad. Com isso, ela acabou fechando uma motocicleta com dois ocupantes.

O condutor da motocicleta era Marcelo Leal de Freitas, que na época tinha 21 anos. Na garupa, estava Bruna da Silva Viana, sua noiva, então com 17 anos. Ele perdeu o controle da moto e bateu em um poste. Após a moto pilotada por Marcelo colidir com a estrutura, Bruna foi arremessada do veículo vários metros adiante. Os dois foram levados ao Hospital das Clínicas, na Zona Oeste da capital paulista.

Marcelo passou por uma cirurgia ortopédica e teve alta semanas depois, mas Bruna ficou internada em estado grave. Em julho daquele ano, um mês após o ocorrido, o Hospital das Clínicas divulgou uma nota dizendo que o estado de saúde de Bruna era gravíssimo. Na época, ela corria, inclusive, risco de morte. A moça, hoje com 30 anos, não morreu, mas vive em estado vegetativo e precisa do amparo integral dos familiares.

Continua após a publicidade

Desabafo na internet

Cerca de dois anos após o acidente, a família de Bruna resolveu divulgar mais informações sobre o caso na internet e criou o blog “Bruna Estamos com Você”. “O acidente foi provocado por causa de uma manobra proibida da apresentadora Luiza Mel [sic]“, diz um trecho de uma das postagens. “A Bruna no acidente fraturou uma costela que perfurou o pulmão, fraturou o quadril, sofreu varias escoriações no corpo… O resgate demorou cerca de 40 minutos para chegar ao local“.

Marcelo sofreu uma fratura exposta, porém, passou por reabilitação e conseguiu voltar a andar. Já Bruna passou quase um mês na UTI do Hospital das Clínicas, até ser transferida. No dia 30 de julho de 2008, ela deu entrada no Hospital Auxiliar de Suzano, onde ficou por três meses. Ela obteve alta em 24 de outubro do mesmo ano, quando finalmente pôde ir para casa. Não sem sequelas, no entanto: hoje, Bruna não anda, não fala e se alimenta apenas por meio de uma sonda.

No texto, a família de Bruna fala ainda da falta de apoio prestado por Luísa Mell. “Entramos em contato com a apresentadora Luiza Mel [sic] para saber se ela iria ajudar com a compra da cama, cadeira de banho, cadeira de rodas, fralda e materiais de cuidados de enfermagem. Logo, ela falou que iria ajudar sim, mas nós teríamos que retirar o processo criminal que movíamos contra ela“, diz a postagem.

Família busca ajuda

Naquele momento, nós estávamos sofrendo muito, precisávamos da ajuda dela, mas ela estava preocupada somente com a imagem de artista dela. Não nos ajudou“. A família ainda reforça, no texto, que Luísa Mell chegou a fazer uma visita e fez promessas de ajudar a vítima, mas que não foram cumpridas. “No dia 09 de dezembro de 2008 [Luísa Mell] veio à nossa casa e com várias promessas que só iria cumprir se nós tirássemos o processo contra ela“.

Nós somente queríamos a assistência para a Bruna, não estávamos preocupados com processo, por isso nós queríamos um acordo sim, mas ela não se comprometeu através de algo assinado no papel… Ela chegou a nos ajudar com algumas fraldas e uma órtese para a Bruna no começo, mas a partir de janeiro de 2009 ela ligou e pediu para nós não pedir [sic] mais ajuda nenhuma para a Bruna pois a partir daquele dia ela somente iria ajudar após decisão judicial“.

O EM OFF conversou com exclusividade com dona Maria, mãe de Bruna, que falou sobre a situação da filha atualmente, depois de 13 anos do acidente. “Nossa vida parou desde do dia do acidente, o irmão da Bruna [Thiago] tinha 15 anos na época do acidente, hoje com 28, ele esse tempo todo se dedicou a me ajuda a cuidar dela. Tenho mais de 50 anos, mas minha aparência é de 90“, disse dona Maria em tom de desabafo.

Maria relatou que alguns vizinhos ajudam com doações de comida e fraldas, mas que a família passa por dificuldades. “A Bruna só se alimenta através de uma sonda, a comida dela é especial, é uma dieta especial. Vizinhos sempre ajudam“, comentou a mãe de Bruna. Questionamos quando foi a última vez que Luísa Mell, responsável pelo acidente, falou com a família. A mãe de Bruna disse que foi em 2010. “Ela deu uma ajuda na época, mas depois nunca mais nem mandou mensagem, acho que ela nem sabe que minha filha tá viva“.

Busca por doações

A família mora em Embu das Artes, município da Região Metropolitana de São Paulo. Ainda em 2010, ao participar do programa “Márcia”, na TV Bandeirantes, Luísa Mell relembrou o ocorrido. A apresentadora Márcia Goldschmidt mostrou uma foto do acidente e a ativista comentou, na ocasião, que “preferia que tivesse acontecido comigo”. O EM OFF procurou Luísa Mell para ela se pronunciar a respeito do assunto, porém, ela ignorou nosso contato. O espaço, no entanto, segue aberto para a posição da apresentadora.

Marcelo, noivo de Bruna na época que pilotava a moto no momento do acidente, teve pequenas sequelas e hoje já se casou e tem filhos. A situação de Bruna e de sua família, no entanto, inspira mais cuidados. Dona Maria reforça que doações de alimentos e fraldas são bem-vindas e ajudam no bem-estar de Bruna. A situação econômica da família, que é humilde, dificulta a situação. Quem quiser ajudar a família, pode fazer uma doação clicando no link da vaquinha on-line criada para ajudar a Bruna.

Apesar de ter dado algum tipo de ajuda na época do acidente, os danos do acidente causado por Luísa Mell não foram temporários e sim permanentes. A vítima, então com 17 anos, teve a vida interrompida e hoje, com 30, segue em estado vegetativo. Ela precisa de ajuda de terceiros para absolutamente tudo, inclusive as atividades mais básicas de um ser humano. Recentemente, advogados do ex-marido da apresentadora afirmaram que o patrimônio da ativista é de R$ 20 milhões. (Colaborou Danilo Reenlsober)

Dona Maria e Bruna, enviada pela família ao EM OFF (Arquivo Pessoal/Reprodução)
Família criou uma vaquinha para receber doações. Você pode doar clicando aqui.

Você usa TELEGRAM? Então entre no nosso canal e receba nossas notícias no seu celular.
Basta clicar aqui -> https://t.me/portalemoff