Fechar
reação

Jornalista da Globo esfaqueado escreveu bilhete para médica no hospital

Médicos reduziram a sedação de Gabriel Luiz e o contratado da TV Globo reagiu de forma positiva

Erlan BastosColunista do EM OFF

O jornalista Gabriel Luiz, repórter da TV Globo em Brasília, foi transferido do Hospital de Base do Distrito Federal (HBDF) para um hospital particular no Lago Sul, Distrito Federal, na tarde desta sexta-feira (15). Ele foi atacado por dois homens na noite desta quinta-feira (14) e levou dez facadas, que atingiram o pescoço, o abdômen e o tórax do profissional.

O estado de saúde de Gabriel é delicado, mas estável. Durante a madrugada e na manhã desta sexta-feira (15), ele passou por diversas cirurgias. Ele teve perfurações no estômago, no pulmão, no pâncreas e no diafragma, de acordo com informações da polícia. Ele também contabiliza ferimentos no braço e no pulso, no pescoço e na perna esquerda, com menor gravidade.

Antes da transferência, os médicos reduziram a sedação de Gabriel para ver a reação do jornalista. Ele acabou escrevendo um bilhete, perguntando sobre os seus ferimentos e mandando um recado para a médica da família que tem cuidado dele: “Eu te amo”. Ele também apertou a mão do pai, que está otimista na recuperação do filho, assim como os médicos.

O jornalista Diego Schueng trouxe novas informação sobre o caso ao vivo no canal EM OFF no Youtube, que na ocasião estava sendo ancorado pelo apresentador Cairo Jardim. De acordo com o portal G1, o ataque é investigado pela 3ª Delegacia de Polícia, no Cruzeiro. A corporação apura as hipóteses de tentativa de latrocínio ou tentativa de homicídio.

Continua após a publicidade

Novo vídeo

O G1 também publicou, na tarde desta sexta-feira (15), um novo vídeo de segurança que mostra os possíveis suspeitos contra o ataque ao jornalista Gabriel Luiz, de 29 anos. Nas imagens, os dois homens caminham em uma rua do Sudoeste, no Distrito Federal, por volta das 23h. A Polícia Civil não informou se a filmagem é de momentos antes ou depois do crime.

Mais cedo, foram divulgadas imagens de monitoramento que mostram o exato momento do ataque contra o profissional da TV Globo. O vídeo mostra dois homens se aproximando de Gabriel. Pelas imagens é possível notar que o repórter passa primeiro sozinho pelo local. Na sequência, o primeiro suspeito aparece nas imagens e, em seguida, o segundo homem logo atrás.

Alguns metros à frente, ambos atacaram covardemente o jornalista da Globo em Brasília. Depois do ataque, ambos saem correndo do local do crime. A carteira de Gabriel foi localizada no local do crime. O celular estava desaparecido, mas foi encontrado por um morador da região, na manhã desta sexta, e entregue à polícia. (Colaborou Danilo Reenlsober)