Fechar
TRETA

Ouça trecho da música de Marília Mendonça e Naiara Azevedo juntas

“50 Por Cento” seria lançada por Naiara Azevedo enquanto artista está confinada no BBB22

Erlan BastosColunista do EM OFF

A cantora sertaneja Naiara Azevedo, recém confirmada como uma das participantes do grupo Camarote do BBB22, está envolta numa polêmica com a família de Marília Mendonça. A intérprete do hit “50 Reais” revelou em entrevista ao jornal Extra que “guardou” uma música gravada com a Rainha da Sofrência e que faria o lançamento da produção durante o reality. Isso irritou os familiares da cantora, morta em 5 de novembro de 2021.

No sábado, João Gustavo, irmão da cantora Marília Mendonça, se pronunciou em seu perfil do Twitter sobre a notícia do lançamento pretendido por Naiara Azevedo. “Todo mundo já sabia que você entraria no BBB para se promover, e eu sei que você não vai tirar o nome da minha irmã da boca, então eu vou fazer de tudo para que você não fique dentro dessa casa”, disse.

Quem também resolveu falar foi Ruth Moreira, mãe de Marília Mendonça. Ela disse à revista Quem que as músicas autorizadas pela artista serão lançadas, mas que Naiara ou alguém de sua equipe jamais procurou pela família. “O que nos magoa é usar a mídia de maneira estratégica para forçar a liberação, sem ao menos nos comunicar. Nunca fomos contatados pela Naiara ou por ninguém da equipe dela”, disse.

Os motivos para a negativa sempre couberam a Marília. E nós iremos respeitar sempre a vontade dela. Infelizmente, temos lidado com este tipo de coisa diariamente. Não peçam para quem vive a dor se conformar com tudo, porque o que temos é muito maior, lidamos com a perda da filha, da irmã e da mãe, não se trata única e exclusivamente da artista Marília Mendonça”, completou Ruth

Continua após a publicidade

Resposta

Neste domingo, a assessoria de imprensa de Naiara Azevedo divulgou uma nota por meio das redes sociais da artista dizendo que, se for o desejo da família, o lançamento da canção será cancelado. “A equipe de Naiara Azevedo tem toda admiração e respeito por Marília Mendonça e sua família, e entende toda a delicadeza da situação“, diz o comunicado.

O trâmite da gravação da música ’50 por cento’ foi feito através das duas artistas. Para o lançamento, se faz necessário uma burocracia por parte da gravadora – o que é comum com qualquer feat gravado. A autorização para participação das artistas veio somente no primeiro semestre de 2021, e a liberação de lançamento para início do ano de 2022″, segue o texto.

Com o convite para Naiara participar do reality show com maior visibilidade do Brasil, foi pensada uma estratégia de carreira para a cantora e gravou-se um DVD, que todos sabem o quanto é importante para um artista. Neste projeto, foi incluída a faixa ’50 por cento’, uma canção muito especial para Naiara, e se manteve a participação da Marília através das imagens do videoclipe já gravado, como forma de carinho e admiração“.

A mensagem continua, reafirmando que a família de Marília Mendonça pode solicitar o cancelamento da música. “Reiteramos que tudo foi sempre feito dentre os trâmites legais. Mas, em respeito a família de Marília, e se for da vontade deles não quererem esse lançamento, iremos entender e não lançar a canção. E fica aqui frisado, novamente, toda admiração e respeito que sempre existiu entre as artistas“, encerra.

Canção vazou

A música em questão, parceria entre Naiara Azevedo e Marília Mendonça, se chama “50 por cento”. A coluna Erlan Bastos EM OFF teve acesso a um trecho exclusivo da gravação do clipe da canção. As imagens mostram Marília e Naiara em um cenário iluminado, ambas sentadas num sofá. Elas interpretam a produção enquanto diversos câmeras captam imagens para a edição final do vídeo.

Além dessas imagens, outras já circulam na internet há algumas semanas. Nessa outra gravação, já sem Marília Mendonça, Naiara Azevedo aparece em pé, num palco, de frente para um telão com imagens da sertaneja. Visivelmente emocionada, Naiara chora ao assistir as cenas da cantora. As imagens foram gravadas durante a gravação de um DVD em Goiânia. (Colaborou Danilo Reenlsober)