Fechar
Fim de um ciclo

Apresentadora deixa Grupo Globo após 23 anos de casa

Janaína Xavier anuncia seu desligamento da empresa em rede social: ‘estou pronta para novas oportunidades’

Fábia Oliveira EM OFF
Fábia OliveiraColunista do EM OFF

Uma das apresentadoras mais antigas da SporTV!, Janaína Xavier anunciou em suas redes sociais a sua saída do Grupo Globo após 23 anos de casa nesta segunda-feira (2). A notícia sobre a despedida pegou amigos e fãs da jornalista de surpresa.

“Com dor (literal) no coração, eu me despeço. Esse ciclo acabou, como entendemos as duas partes, após muitas conversas. Deixo minha casa, mas com a porta sempre entreaberta. Vou descobrir o que eu tenho para viver aqui do outro lado”, escreveu na postagem.

A coluna soube que a notícia da saída da jornalista aconteceu na sua volta da licença maternidade, após o nascimento da filha caçula Maria Vitória que completou seis meses de vida na quinta-feira, 28 de abril. Janaína, que também é mãe de Maria Eduarda, de 12 anos, teria que voltar a trabalhar nesta semana e aí veio o comunicado do seu desligamento da empresa.

“Estou pronta para novas oportunidades e ansiosa para encarar essas páginas em branco e começar a escrever uma nova história. No Rio, em Curitiba, em SP, ou em qualquer outro lugar. Obrigada, Globo! Obrigada, SporTV! Foi uma linda jornada!”, destacou a jornalista no comunicado, que nunca trabalhou em outra empresa.

Continua após a publicidade

“Tenho orgulho da minha trajetória e de cada degrau que subi (e desci) até chegar ao comando do SporTV News”, finalizou a apresentadora, ex-mulher do narrador Luiz Carlos Jr, com quem ficou casada durante 14 anos.

Choro ao vivo de repórter da SporTV

Fernanda Colombo, comentarista de arbitragem do canal do Grupo Globo, não segurou as lágrimas ao falar sobre a agressão sofrida pela bandeirinha Marcielly Netto, vitima do técnico Rafael Soriano. O contratado do time da Desportiva Ferroviária agrediu a profissional durante o confronto contra o Nova Venéncia, pelas quartas de final do Campeonato Capixaba. No SporTV, o assunto foi repercutido em várias atrações, o que inclui a “Seleção SporTV”.

 “Eu confesso que fico nervosa de ver tanto essa cena de agressão quanto a fala dele, porque ele conseguiu piorar uma situação que já era absurda. Ele tem uma atitude muito machista ao colocar a mulher, que era a vítima, como culpada, como se ela estivesse querendo se promover com a agressão que ela sofreu”, disse a comentaria, que também já passou por uma situação parecida.

Em 2014, Colombo foi acusada de querer se promover no cenário esportivo por ser mulher, algo que a marca até os dias de hoje. Durante o programa ao vivo do SporTV, ela revelou frustração com o fato de nada ter mudado. “Em 2014, eu já fui acusada de querer me promover por ser mulher, e eu achei que as coisas fossem mudar. E as coisas não mudaram. De 2014 a 2022, nada mudou”.

Tags Relacionadas: