eita!

Atriz da Globo é dispensada de novela após não se vacinar contra a Covid-19

Elizângela estava cotada para integrar o elenco da próxima novela das 21h, 'Travessia'

Fábia Oliveira
Colunista do EM OFF

A atriz Elizângela, que estava cotada para integrar o elenco da próxima novela das 21h da ‘TV Globo’, ‘Travessia’, foi cortada da trama após não querer se vacinar contra a Covid-19. As informações foram divulgadas pelo colunista Gabriel Perline.

Segundo o jornalista, a atriz teria sido convidada pessoalmente pela autora da novela, Glória Perez. A escritora e a atriz já trabalharam juntas em outras novelas, inclusive no último folhetim de Perez, ‘A Força do Querer’. Porém, os protocolos de segurança sanitária da emissora estão rígidos em relação a imunização.

Outra atriz que foi substituída na trama foi a portuguesa Maria Vieira. Ela chegou a ser sondada pelo diretor Mauro Mendonça Filho, mas foi vetada pela Globo por também não ter tomado a vacina contra a Covid-19. Além disso, ela é filiada a um partido político e tem um cargo público, o que não é permitido para quem faz trabalhos na emissora.

Maria Vieira chegou a fazer um longo desabafo sobre a situação nas redes sociais. Ela contou que foi falar com Mauro Mendonça Filho para saber como estavam as coisas, quando foi surpreendida de que a emissora teria vetado sua participação.

“Os dias passaram e voltei a contactar a produtora da Globo para obter alguns esclarecimentos, mas como notei alguma displicência da parte da mesma resolvi entrar em contacto com o Mauro Mendonça Filho para saber em que ponto estavam as coisas, e qual não é o meu espanto quando o Mauro me informa que de facto eu fui a sua primeira escolha para o personagem mas que entretanto teria sido feita outra opção que também depende da decisão da empresa e que lamentava ter que ser ele a dar-me essa notícia e que me admirava muito, enfim, todas essas coisas que se dizem quando a pessoa verifica que foi ultrapassada pelas decisões que vêm de cima”, escreveu.