Fechar
Coração já tem dono

BBB22: Gustavo rejeita Anitta

Ex-brother dá fora na cantora após saber de uma ‘cantada’ nas redes sociais e avisa: ‘chegou tarde’

Fábia Oliveira EM OFF
Fábia OliveiraColunista do EM OFF

Eliminado do ‘BBB 22’ na noite desta terça-feira (19), Gustavo deu um fora em Anitta. Isso mesmo, minha gente! O bacharel em Direito rejeitou uma cantada da Poderosa e ainda avisou que seu coração já tem dona: Laís.

Após ser eliminado do reality da Globo, o curitibano participou de uma conversa com Rafa Kalimann na Globoplay e descobriu sobre a investida de Anitta. Com bom humor e surpresa, ele comentou a ‘cantada’: “Anitta, desculpa, mas chegou tarde! Laís chegou antes”.

O ‘fora’ de Gustavo aconteceu depois que a apresentadora e ex-BBB 20 mostrou que a cantora estava torcendo por ele e até puxou um mutirão de votos para levá-lo ao Paredão falso, mas quem venceu disputa há duas semanas foi Arthur Aguiar.

“Olha, eu acho que quem tem que ir para esse quarto é o Gustavo. O povo vai saber que é Paredão Falso na hora se o Arthur sair. Então, eu queria que o Gustavo estivesse lá nesse quarto. Comigo lá dentro de preferência, já esperando, para ajudar ele assistir o jogo de fora da casa”, brincou a cantora nas redes sociais na época.

Continua após a publicidade

Despedida do jogo

Gustavo foi o décimo quinto eliminado do ‘BBB 22’. O bacharel em direito recebeu 81,53% dos votos, contra 16,8 % de Eliezer e 2,39% de Paulo André. No discurso de eliminação, o apresentador Tadeu Schmidt aproveitou o momento para detonar a tática de escolha dos brothers em fazer ‘rodízio’ dos amigos no paredão.

“Hoje pode ser confirmado um feito histórico. O grupo que nunca perdeu: 21 vezes teve alguém com possibilidade de ir embora, e ninguém saiu. O que que tem esse grupo para não perder nunca? Ou o que tinham os outros grupos para perder sempre? Por que o Eli resistiu até aqui? O que faria o Eli resistir a um confronto direto com os invencíveis?”, começou Tadeu.

“Eli contra seu arquirrival, Gustavo, o homem que de todos os paredões possíveis, só não foi para um. Foi um risco que ele escolheu, o Gustavo veio da Casa de Vidro com informação de fora querendo botar fogo no jogo, tocar o terror, gerar treta, bater de frente, mexer com quem estava tranquilo. E assim fez, tirou do esconderijo os lollipopers mais escondidos”, continuou.

“Rodízio de pessoas no Paredão? No fundo, no fundo, é uma maneira de não se comprometer. ‘Olha, eu não queria te mandar, mas chegou sua vez na fila, então…’. Aquilo que parecia um mérito de chamar todo mundo para a briga, na verdade criava uma zona de conforto para fazer escolhas sem sofrimento. Isso só ficou claro quando cinco meninos do grupo invencível foram obrigados a votar entre eles”, seguiu discursando Tadeu.

“E aí decidiram manter a ideia. ‘Ah, vamos mandar para o Paredão quem está há mais tempo sem ir.’. Ou seja, é como dizer: ‘Oh, não é decisão minha, não sou eu, é o rodízio, e tudo mundo ri. ‘Ah, vou botar vocês no Paredão, hahaha’. Ou ainda uma forma dizer: ‘Aqui dentro desse grupo, é todo mundo igual, o sentimento é absolutamente o mesmo por todos, o tempo todo.’ Para gente. é claro que não é”, alfinetou o apresentador.

“Se um de vocês vencer o BBB, não foi ajudado por esse acordo de cavalheiros, foi apesar desse acordo esdrúxulo”, disse Tadeu, que anunciou: “Será que o caçador de lollipopers vai cumprir sua missão? Ou o último lollipop vai conseguir sua revanche inesperada? Ou será que os dois vão escapar ilesos para contar a história? Um dia é da caça, o outro é do caçador. Quem sai é você, Gustavo”.

Tags Relacionadas: