Fechar
DETONOU

Cristiano sobre ausência no velório de Mendonça: ‘Fui de máscara, boné e óculos’

Cristiano, dupla de Zé Neto, explica polêmica sobre parceiro não ter ido a velório de Marília Mendonça e sobre o ônibus dos cantores

Fábia Oliveira EM OFF
Fábia OliveiraColunista do EM OFF

O cantor sertanejo Cristiano, da dupla com Zé Neto, usou neste domingo (7), o Instagram oficial deles, onde possuem mais de 12 milhões de seguidores para fazer um longo desabafo. “O mundo está doente”, afirmou o artista.

Após inúmeros comentários sobre o fato de Zé Neto não ter comparecido ao velório de Marília Mendonça, que morreu após a queda de um avião perto de uma cachoeira na serra de Caratinga, interior de Minas Gerais, na tarde da última sexta-feira, ele soltou o verbo.

“Eu estava no velório, mas eu fui de boné, máscara e óculos. O Zé Neto não foi. Quando minha mãe faleceu, o Zé tinha minha mãe como uma mãe, e o Zé não foi ao velório de minha mãe, porque cada um tem a sua forma de sentir dor, de ser, e vocês tem que aprender a respeitar isso. Então para de achar que o mundo gira em torno dessa merda de rede social, e achar que só a TV mostra, e a rede social é a verdade, não é assim”, desabafou o sertanejo.

A polêmica envolvendo ainda o ônibus da dupla Zé Neto e Cristiano, que não foi visto durante a homenagem em Goiânia, também foi explicado por Cristiano.

Continua após a publicidade

“O ônibus não foi, pelo simples fato, nós tínhamos um show no Rio de Janeiro. Nossos dois motoristas saíram de Goiânia, passaram por Rio Preto, foram para o Rio de Janeiro”.

Ele relata que não tinha como por em risco a vida de sua equipe, por conta do desgaste e da distância que ainda necessitariam percorrer para chegar a Goiânia com ônibus, onde acontecia o velório de Marília Mendonça.

“Nossos motoristas estavam cansados, saturados, e emocionalmente abalados. Como é que você quer que eu exija de um profissional que vai pra um cortejo mostrar um ônibus, pra quem quer mostrar mídia, pra quê?”, detona o artista.

Outra coisa que irritou demais o sertanejo foi a falta de respeito: “Vocês chegarem soltando palavras sem discernimento, sem educação, é o achismo. O que eu acho, o que eu penso e acabou. A vida não é assim. Olha a perda que a gente teve um trauma, um colega de trabalho, uma amiga e vocês não respeitam. Vocês falaram da Maiara. isso magoa e ofende as pessoas, e a pessoa está tão chateada, lê as mensagens e se cobra achando que é péssima porque vocês fazem isso. O mundo tá doente”, detonou mais uma vez.

Mensagem de Zé Neto à Mendonça.

“Sabe aquele nó na garganta, aquela vontade de gritar, aquela mistura de angústia, medo e saudade? Pois é assim que me sinto agora.

Juro pode Deus que se eu soubesse que esse vídeo do nosso abraço seria o último, nunca mais eu ia soltar você. A nossa vida é um sopro, e a cada dia mais vivemos como se pudéssemos controlar o tempo. Precisamos rever nossos conceitos. Não deixar para fazer amanhã o que podemos fazer hoje. Beije sempre como se fosse o último beijo, abrace como se fosse o último abraço, e ame sem limites. Que Deus conforte o coração dessas famílias, dessas cinco vidas que nos deixaram. Vai com Deus estrelinha.

Sabe aquele nó na garganta, aquela vontade de gritar, aquela mistura de angústia, medo e saudade? Pois é assim que me sinto agora”, escreveu o cantor.

Você usa TELEGRAM? Então entre no nosso canal e receba nossas notícias no seu celular.
Basta clicar aqui -> https://t.me/portalemoff