Fechar
que mancada!

Desesperada por biscoitos, Maíra Cardi critica Will Smith e é detonada

Empresária insinuou que desequilíbrio do ator pode ser descontado, inclusive, na própria mulher dele

Fábia Oliveira EM OFF
Fábia OliveiraColunista do EM OFF

Maíra Cardi voltou a ser assunto nas redes sociais, nesta segunda-feira (28). A ex-BBB, em busca de ser notada a todo custo, resolveu emitir sua opinião sobre a agressão de Will Smith ao humorista Chris Rock, no palco do Oscar, em Los Angeles, e acabou sendo detonada por comentar o assunto sem o mínimo de propriedade para falar sobre.

Maíra, em seu comentário, resolveu questionar até que ponto pode ir o desequilíbrio do ator e levantou a hipótese de um dia ele poder agredir a própria mulher, Jada Smith, devido ao seu descontrole.

“A gente questiona, até aonde vai o equilíbrio emocional dessa pessoa. Agora está batendo por ela. E quando ele bater nela? Porque se uma pessoa levanta daquela maneira, com aquele ímpeto incontrolável, no meio de uma premiação ao vivo, cheio de pessoas, e dá um soco porque lhe faltou inteligência emocional, eu não acredito que aquilo ali tenha sido pontual. Provavelmente, aquilo ali é ele na vida dela”, avaliou a empresária.

Os internautas, é claro, caíram em cima da fala da coach. “Desnecessária”, comentou um internauta. “Às vezes não tem como passar pano pra ela”, escreveu outro. “Não perde a oportunidade de ficar calada”, mandou uma terceira seguidora. “Logo essa aí julgando o equilíbrio de alguém. Me poupe”, analisou outra pessoa.

Continua após a publicidade

Obviamente que nada justifica agressão, entretanto, Will Smith tem uma razão para ter ficado transtornado ao vivo, diante de câmeras que mostraram o episódio para o mundo todo: Chris Rock já persegue a família Smith com deboches e ironias há cinco anos.

Embora já soubesse que seria sua grande noite, por se consagrar na dramaturgia com seu primeiro Oscar como Melhor Ator, Will Smith perdeu as estribeiras por conta da situação vexatória que sua família vinha enfrentando há tempos, mas ele sempre enfrentou calado para não tornar grande o que deveria ser pequeno ou, na verdade, nem existir.

Em 2016, por exemplo, Chris Rock foi apresentador do Oscar, e também fez piada com Jada Smith, que sequer estava presente no evento. “Jada disse que não vem. Eu fiquei tipo, ‘Ela não está em um programa de TV?’ Jada vai boicotar o Oscar? Jada boicotar o Oscar é como eu boicotar a calcinha da Rihanna. Eu não fui convidado!”, brincou o comediante, na época.

Ele também debochou do Wil Smith quando o nome do ator foi cogitado como um possível indicado ao Oscar por seu papel no filme ‘Um Homem Entre Gigantes’, mas foi rejeitado pela Academia. “Will não foi indicado por ‘Um Homem Entre Gigantes’. Você fica bravo. Não é justo que Will seja tão bom e não tenha sido indicado. Você está certo”, disse Rock.

Na ocasião, ele ainda ironizou uma das produções protagonizadas por Will Smith que mais fracassaram. “Também não é justo que Will tenha recebido US$ 20 milhões por ‘As Loucas Aventuras de James West'”.

Neste ano, a agressão aconteceu após Chris Rock ter zoado os indicados e o público presente, enquanto anunciava uma das categorias. Ele acabou fazendo uma piada com a atriz Jada Pinkett Smith, mulher de Will Smith, que está com os cabelos raspados, pois sofre de alopecia, e o ator não gostou.

Chris Rock brincou dizendo que Jada estava careca para estrelar ‘G.I. Jane 2’. A piada era uma referência à possível sequência do filme ‘G.I. Jane’, no qual Demi Moore está careca, após raspar a cabeça para protagonizar a obra. Após o comentário, Jada chegou a fechar sua expressão e revirar os olhos.

Indignado com a piada, Wil Smith subiu ao palco, deu um tapa na cara do comediante e, ao retornar para sua cadeira na plateia, ainda mandou: “Mantenha o nome da minha esposa longe da p*rra da sua boca!”.

Depois que voltou ao palco para receber o prêmio de Melhor Ator, Will Smith se desculpou com a academia do Oscar. “Quero pedir desculpas a Academia. Eu quero pedir desculpas aos meus colegas indicados”, disse o artista, que continuou.

“A arte imita a vida. Eu pareço o pai maluco, assim como Richard Williams. Mas o amor vai fazer você fazer coisas malucas”, disse o ator, que encerrou seu discurso dizendo que espera que a academia o convide novamente.

Chris Rock, por sua vez, não quis prestar queixa contra Will Smith no Departamento de Polícia, que se colocou à disposição dele.

Tags Relacionadas: