desabafo

Ex de Jonas Esticado acusa cantor de relação abusiva e diz que foi traída com a atual mulher

Herica Oliveira diz ainda que cantor teria tirado o apartamento que ela morava com o filho

Fábia Oliveira
Colunista do EM OFF

Herica Oliveira, ex-mulher do cantor Jonas Esticado, com quem ela teve um filho, compartilhou um extenso desabafo nas redes sociais, sobre sua relação com o ex. A influenciadora digital expôs detalhes do término conturbado do casal que, segundo ela, envolveu diversas traições.

Entre as puladas de cerca, segundo Herica, está uma com a atual mulher dele, a influencer Bruna Hazin, que está grávida do primeiro filho do casal. “Ele me traiu com a Bruna Hazin, sim. Qual a necessidade de um homem acabar com uma mulher dessa forma, sendo que foi ela quem deu seu primeiro filho?”, questionou.

Ela citou que foi difícil tomar a decisão de abrir publicamente tudo o que sofreu: “Não é fácil tomar essa decisão [de expor], mas vai ser o melhor para mim e para o meu filho. Esperei todo esse tempo para falar porque eu não tinha coragem. Eu sofria com crises de ansiedade, crises existenciais, por falta de valor, amparo e amor”, começou ela.

Herica relembrou o começo do relacionamento dos dois, quando ela tinha 16 anos. Na época, já morava sozinha na casa que o pai havia comprado. A gravidez do primeiro filho veio quando ela tinha 19 anos. Por conta da chegada do bebê, ela deixou a casa da família para se mudar para outra maior, que havia sido alugada pelo casa, com objetivo de ter mais conforto.

“Antes disso já tinham acontecido muitos episódios de traições, discussões, de muitas coisas. Eu não podia nada, vivia em um relacionamento tóxico e ninguém sabia. Nem eu mesma sabia. O tempo foi passando, eu achava que relacionamento era isso. Gerou um dependência emocional. Eu achava que não vivia sem ele”, lembrou ela, que enfrentou risco de aborto na gravidez, devido ao estresse causado pelo relacionamento tóxico.

“Quando eu engravidei, foi muito difícil, passei cinco meses com risco de aborto devido a muitas traições, desaforos, brigas e situações complicadas. Nossa, foi uma barra. Sofri bastante, muito. Eu estava sozinha, sem pai e mãe. […]  Fiquei tão angustiada que o meu corpo adoeceu, eu achei que ia perder o meu filho. Começou minha compulsão alimentar, eu comia para suprir minhas necessidades, engordei muito”, lembrou.

Herica também citou as frustrações que enfrentou ao longo de sua gestação e a depressão pós-parto, após a descoberta de mais traições: “Eu sonhava com uma gravidez na qual o pai chega em casa e conversa com o bebê na barriga, seria a gravidez dos sonhos. Mesmo com tantas provações, eu amei demais gerar meu filho, foi mágico e difícil. Tive meu filho com 36 semanas […] por cesariana. Ele [Jonas] me acompanhou no dia do parto. Meu filho nasceu saudável. No resguardo eu descobri mais traições. Tive uma depressão pós-parto”, revelou.

A influencer, no entanto, tinha esperança que o sertanejo mudasse seu comportamento após a chegada do filho, mas tudo não passou de pura ilusão: “No terceiro dia ele foi para o Jonas Sunset, uma festa aqui na cidade. Saiu de casa Às 16h, eu estava operada. Foi uma provação, eu tinha 20 anos. Ele foi lá, cantou, e só chegou às 7h da manhã. Passei a noite inteira com os seios doendo e vazando, operada. Nesse dia eu tive ódio, eu fui desprezada”, desabafou.

Herica reconheceu que errou ao se doar mais do que devia ao relacionamento tóxico. E mandou um recado ao cantor: “Eu só estou te pedindo, Jonas, dignidade. O mínimo de consideração que você poderia ter por mim e por nosso filho era ter nos dado conforto que a gente merece. Você sabe o quanto eu sofri e o quanto a gente batalhou junto”, disse ela.

E continuou: “Eu te apoiei, você sabe, e a única que eu ganhei foi isso. Ele não pensa na segurança do filho. Na época da pandemia, eu tinha recebido um dinheiro e não tinha conta bancária. Viajei com o dinheiro, minha mala foi extraviada, e eu perdi tudo. Eu liguei para ele para dizer que tinha feira para fazer, que não estava fácil, e ele dizia que não tinha dinheiro, mesmo eu sabendo dos ganhos dele. Ele disse que, se necessário fosse, cortasse o luxo do danone do filho. Eu senti a dor pelo meu filho”, lamentou.

Ela também expôs que o cantor tirou o apartamento que ela morava com o filho e deixou os dois apenas com um carro velho, caindo aos pedaços. “No pior momento da minha vida, ele tirou o apartamento da gente, me deixou com um carro caindo aos pedaços. Ele manda eu ir trabalhar, mas quando eu trabalhava, me mandava sair do trabalho. Minha vida foi toda em volta dele, para ele e para o meu filho. Como vou conseguir dinheiro para comprar carro, apartamento?”, revelou.

Assista ao desabafo completo: