Fechar
Alvo de xingamentos

Fãs de futebol americano culpam Gisele Bündchen por aposentadoria do marido

Tom Brady ainda não anunciou oficialmente, mas a saída do esporte é dada como certa após conversa com a mulher

Fábia Oliveira EM OFF
Fábia OliveiraColunista do EM OFF

O anúncio oficial ainda não saiu, mas nos bastidores do futebol americano todo mundo dá como certa a aposentadoria de Tom Brady. Aos 44 anos, 22 temporadas e sete títulos do Super Bowl, o  quarterback  vai pendurar o capacete, as chuteiras e o colete. Os fãs dos jogadores apontam Gisele Bündchen como a ‘culpada’ pela decisão do craque. Muitos acham que o craque ainda teria lenha para queimar, só que ele anda pressionado pela mulher para sair do esporte.

O jogador deu uma entrevista ao podcast ‘Let’s Go’ e assumiu que estava pensando em parar e falou que iria conversar com Gisele nos próximos dias. “Ela merece o que precisa de mim como marido e meus filhos merecem o que precisam de mim como pai. Eu me divirto muito jogando futebol. Amo isso. Mas sem jogar futebol, também tenho muita alegria agora, vendo meus filhos ficando mais velhos e vendo o crescimento deles. Então tudo isso precisa ser considerado. E será considerado”, comentou Tom Brady.

Isso foi o bastante para alguns admiradores do jogadory indicarem que o atleta estaria deixando a NFL por causa da supermodelo brasileira, que tem sido alvo de xingamentos. Para piorar a situação de Gisele junto aos torcedores, em um bate-papo com seu colega de time, Rob Gronkowski, no canal do Tampa Bay Buccaneers no YouTube há quatro meses. Os dois falavam sobre aposentadoria e o colega perguntou: “Gisele vai deixar o Tom jogar até os 50?”.

Brady respondeu, aos risos: : “Essa é uma pergunta muito melhor. Por que as pessoas não estão buscando essa pergunta? Acho que deveriam. Aí é obviamente um ‘não’ a resposta. Estou só brincando. Desculpe, baby. Eu te amo. Você ia deixar. Você me deixa fazer qualquer coisa desde que eu esteja feliz”, comentou.

Continua após a publicidade