amor de pet

Fernanda Gentil lamenta morte de cachorra: ‘dividiu quase 16 anos da minha vida comigo’

A apresentadora fez uma publicação emocionante em homenagem à Nala

Fábia Oliveira
Colunista do EM OFF

Fernanda Gentil usou as redes sociais, nesta quinta-feira (30), para publicar uma homenagem à sua cachorra Nala, que faleceu aos 16 anos. A apresentadora contou detalhes da relação com o animal e se despediu da companheira. A jornalista ainda postou um vídeo com algumas fotos da cadelinha, que já havia perdido uma pata por conta de um tumor.

“Você foi o que de mais incrível eu poderia ter nessa vida de parceira. O que de mais fiel eu poderia ter de cumplicidade. O que de mais alegre eu poderia ter de companheira. Nala, você não só viveu quase 16 anos comigo… Você dividiu quase 16 anos da minha vida comigo. Te peguei como uma menina de 20 anos, te vi partir como uma mulher de 35”, começou dizendo Gentil.

Ela continuou: “Você viu Lucas chegar, Gabriel chegar. Você viu minhas mudanças e transformações. Seu pelo absorveu tantas lágrimas minhas… Seu focinho encostou em tantos sorrisos meus – por mais que isso me deixasse com alergia. Mas por você eu ficava com alergia de alegria”.

Fernanda Gentil citou diversos momentos com a cachorra. “Ah, por você eu fiz tanto, Nalinha… Isso é o que eu mais ouvi desde que você se foi. Mas fiz infinitamente menos do que recebi de você. Eu recebi de você todos os sentimentos que seres especiais como você ensinam pra gente. Mas eu recebi também valores que me fizeram ser quem sou hoje; recebi a honra de cuidar de você. Ganhei sendo de responsabilidade, vontade de voltar correndo pra casa, aprendi a administrar minha mesada para arcar com as suas demandas. Aprendi a controlar vacinas, a achar o melhor banho, a melhor cama, o melhor tudo… Porque você foi a melhor do mundo”, falou.

E completou: “Você se foi, e com você foi uma das fatias mais completas da minha vida. Uma fatia com muita correria, mergulhos na praia, bolinha pela casa, saltos na nossa barriga, xixis de emoção, bromélias comidas, jantares roubados e de novo, uma parceria como nunca tive”.

Gentil ainda explicou: “Sempre combinei com você que enquanto o esforço fosse meu para que você ficasse aqui, estava tudo certo. Mas quem começou a fazer mais esforço pra você ficar aqui foi você mesma… E eu não estava aguentando ver isso acontecer”, disse ela, que completou: “Só a gente sabe – e sabe mesmo – a conexão sobrenatural que a gente construiu. E ela vai continuar sendo assim; em outra esfera, você aí em cima e eu aqui embaixo, até te encontrar de novo”.