se emocionaram!

Gio Ewbank e Taís Araújo são surpreendidas por Titi ao relembrarem conversa sobre racismo

As pequena apareceu no estúdio de gravação do podcast 'Quem Pode, Pod', no momento em que as atrizes falavam dela

Fábia Oliveira
Colunista do EM OFF

Durante o podcast ‘Quem Pode, Pod’, desta terça-feira (2), Giovanna Ewbank relembrou uma conversa que teve com Taís Araújo pelo telefone, quando a sua filha Titi chegou ao Brasil. A apresentadora abriu o coração sobre como a relação com a atriz foi e tem sido importante para ela desde que se tornou mãe. Ao falarem sobre o assunto, as duas acabam surpreendidas por Titi e ficam aos prantos.

“A nossa relação começou através de um telefonema seu quando a Titi chegou no Brasil, você me ligou e falou: ‘Oi Giovanna, aqui é a Taís”, eu nunca tinha falado com você. E você falou: ‘Eu queria bater um papo com você, queria dizer que eu tô aqui, tô muito feliz com a sua maternidade, tô aqui pro que você precisar, que agora você faz parte de nós e tô disponível pra conversar sobre o que você quiser’. Aí a gente entrou num papo em que eu chorava e você me falava coisas que eu não tinha ideia, não tinha noção”, começou relembrando Giovanna.

A mãe de Titi, Bless e Zyan agradeceu a atriz pelas palavras e ensinamentos. “Você falou da sua escola, que estudou em uma escola particular e sempre viu mulheres pretas em posição de servir e que você precisava de uma professora preta pra se ver. E você me falou: ‘Eu só te peço que você tenha essa visão na hora de escolher a escola da sua filha e eu tô aqui pra te ajudar’. E isso pra mim, foi de muita importância, você me deu uma visão que eu não tinha. Você foi muito maravilhosa comigo. Obrigada”, falou.

Taís Araújo, então, relembrou a preocupação quando viu que os atores, que são brancos, loiros e de olhos azuis haviam adotado a pequena. “Quando eu vi a Títi, eu fiquei pensando: ‘O que vai ser de uma menina negra, africana, criada por dois brancos, loiros, de olhos azuis e que o mundo só tá a serviço deles?’. O seu tipo físico e do Bruno é o considerado a perfeição. Eu fiquei pensando que a Giovanna não sabia da missa a metade, não fazia ideia, foi motiva pelo amor, sem pensar, o que é lindo”, disse a atriz, levando Giovanna às lágrimas.

Em seguida, as duas são surpreendidas com a presença de Titi no estúdio de gravação. “Amor, você chegou na hora que a gente estava falando de você”, disparou Giovanna aos prantos, enquanto abraçava a filha. Taís também limpou as lágrimas e a emoção tomou conta do podcast por alguns minutos.

Na sequência, Taís Araújo completou: “A infância de uma criança negra é muito dura nessa país. De uma criança negra com a situação financeira igual a deles, sobretudo. Porque, obviament,e ela vai ter muitos privilégios de poder ir para vários lugares, comprar várias coisas, muitos acessos, mas ao mesmo tempo, é de uma solidão imensa”, concluiu.

TAÍS ARAÚJO - QUEM PODE, POD #05