Fechar
soltou o verbo

Gustavo Anitelli, do Teatro Mágico, compara Anitta com Geraldo Alckmin

Empresário participou de uma entrevista para o canal ‘Corredor 5’

Fábia Oliveira EM OFF
Fábia OliveiraColunista do EM OFF

Gustavo Anitelli, empresário da companhia musical ‘Teatro Mágico’, participou de uma entrevista para o canal ‘Corredor 5’, apresentado pelo produtor musical Clemente Magalhães. Durante o papo, ele disse que a cantora Anitta ficou tão neutra quanto Geraldo Alckmin em 2018, durante o segundo turno das eleições no Brasil.

Anitelli pontuou ainda que, apesar da cantora usar da polarização política para promover sua carreira, ela preferiu se manter neutra na disputa final entre Lula e Bolsonaro. “Você sabe quem ficou neutra também? A principal referência de vocês hoje do feminismo no Brasil e da política também. Ficou neutra na eleição do segundo turno. A Anitta ficou neutra na eleição”, disse ele.

O empresário continuou: “Nada contra a posição da Anitta, pelo contrário. A minha crítica aqui é a nossa moçada que às vezes num afã do meme, da informação rápida e do que que está lacrando, emburrece o debate”, completou Gustavo Anitelli, que também atua como mestre em comunicação e negócios da música pela Universidade Federal do ABC.

Ainda na entrevista, Gustavo criticou artistas que agem de forma arrogante, mesmo sendo ‘de esquerda’. Para ele, este é um comportamento nojento e nefasto. “É uma babaquice enorme, né? Uma idiotice, uma falta de educação, né? A ideia de que ser arrogante é bonito, mostra que você é poderoso, que você é forte. O cara vai lá, discursava ‘Fora Temer’, ‘Lula Livre’ e tal. ‘Eu sou de esquerda, então tenho o lugar de fala para falar isso’, vamos dizer assim”, falou.

Continua após a publicidade

Em outro momento da entrevista com Clemente Magalhães, Gustavo Anitell criticou a cantora Anitta por se exaltar com seus “sócios” na série documental ‘Anitta: Made In Honório’, disponibilizado pela Netflix. “Ter esse comportamento com suas equipes? Eu não respeito gente assim. Tem gente no mercado que é assim e eu não eu não respeito”, ressaltou.