Fechar
Desabafo

Influenciadora denuncia estupro em festa de rodeio

Francine Andrade fez um boletim de ocorrência em uma delegacia de Mogi Guaçu, passou por exames e foi constatado a violência

Fábia Oliveira EM OFF
Fábia OliveiraColunista do EM OFF

Uma bomba caiu no mundo das tradicioanais festas de rodeios. A influenciadora Francine Andrade, de 23 ano, usou as redes sociais no final da noite desta terça-feira (30), para denunciar que descobriu ter sido dopada e estuprada no rodeio de Jaguariúna, em São Paulo, realizado nos dias 26 e 27 de novembro.

Franciane começou contando que na segunda-feira (29) acordou com fortes dores por todo corpo e foi buscar ajuda com um médico para ter o diagnóstico. Ela acabou ficando surpresa com o resultado dos exames realizados no hospital. “Não sabia que tinha sido violentada, comecei a sentir dor ontem à noite e hoje vim ao médico. Não sei como contar isso aqui… Acabei de correr atrás de B.O., fui no IML em Mogi Guaçu, onde fiz um exame. A polícia constatou que houve estupro e não sabe me dizer se foi um, dois ou três [homens]”, detalhou em vários vídeos nos stories do Instagram.

“Não sei o que fazer, eu tenho que falar para os meus pais que fui estuprada. Que dor estou sentindo… inconsciente, sem ver quem era. Peço muito a ajuda de vocês, muito mesmo, Jaguariúna tem que se responsabilizar por isso. Paguei um dos camarotes mais caros para ter mais segurança e ninguém me ajudou. Nenhum segurança me ajudou, ninguém”, acusou aos prantos.

“Posso pegar uma IST (Infecções Sexualmente Transmissíveis) ou engravidar de um estuprador. A hora que eu me acalmar eu volto, estou muito mal”.

Continua após a publicidade

Várias famosas souberam do relato de Francine e fizeram questão de apoiá-la como Adriane Galisteu, Fernanda Lacerda e Fani Pacheco. A coluna entrou em contato com a Delegacia da Mulher de Mogi Guaçu, que confirmou o boletim de ocorrência feito pela influenciadora, mas não é possível dar detalhes sobre o caso. Também foi informado que a delegada, Gisele Barbosa, saiu para fazer uma diligência já relacionada ao caso.

Francine acusa organização de evento em não ajudá-la contra a violência/Reprodução

Você usa TELEGRAM? Então entre no nosso canal e receba nossas notícias no seu celular.
Basta clicar aqui -> https://t.me/portalemoff

Tags Relacionadas: