Fechar
feliz da vida!

Joelma recebe alta após cinco dias internada e comemora dançando

Ela cantou e dançou no corredor do hospital para comemorar a alta

Fábia Oliveira EM OFF
Fábia OliveiraColunista do EM OFF

Neste sábado (11), Joelma teve alta do Hospital São Luiz Itaim, em São Paulo, após cinco dias internada na unidade de saúde, por conta de inchaços e gastriste. A cantora vinha em tratamento contra sequelas deixadas pela Covid-19.

“Informamos que a paciente Joelma da Silva Mendes teve alta hospitalar na manhã deste sábado (11), em ótimas condições e seguirá seu tratamento, a partir de agora, em sua residência”, diz o comunicado divulgado pela equipe da artista.

Joelma comemorou sua alta nos corredores do hospital, cantando e dançando, sob aplausos da equipe médica. Usando um conjunto de moletom, boné, sandália com meia, a artista mostrou toda sua empolgação com sua liberação do hospital.

Na manhã de ontem, Natália Sarraff, filha da Joelma, falou sobre o estado de saúde da cantora. “Oi turminha, tudo bem? Vim aqui apenas para tranquilizar todo mundo, graças a Deus. Mamãe está bem. Está melhorando cada vez mais, o inchaço está bem também, está desinchando. E a cada dia que passa ela está mais forte, como sempre. Ela só está em observação mesmo para poder se medicar certinho e se alimentar bem. Fiquem despreocupados”, declarou.

Continua após a publicidade

Cantora pegou fãs de surpresa

Recentemente, Joelma assustou os fãs ao aparecer no palco de um de seus shows com o rosto completamente inchado. Na ocasião, ela chegou a explicar o que estava acontecendo para apresentar tanto inchaço e contou sobre sempre ter tido a mesma sequela todas as vezes em que contraiu a Covid-19.

“É a quarta vez que eu pego Covid. E toda vez que eu pego, voltam as sequelas todas de novo. E a principal é o inchaço”, explicou ela. “Não sei quem está passando por isso, mas tem muita gente passando. Não sou só eu”, completou.

Em um show no Pará, ela declarou: “Eu não desisto. Continuarei trabalhando, gravei clip, gravei DVD e tô aqui. Porque com Deus podemos todas as coisas”.