Fechar
na Justiça

Jornalista processa a Globo para ter mesmo salário de Bocardi e Tralli

Gloria Vanique trabalhou na emissora por oito anos

Fábia Oliveira EM OFF
Fábia OliveiraColunista do EM OFF

A TV Globo é alvo de uma ação judicial na Justiça do Trabalho, movida pela jornalista Gloria Vanique. A apresentadora pede reparação e equiparação de salários para passar a ganhar o mesmo que faturavam alguns de seus colegas, como Rodrigo Bocardi e César Tralli.

Segundo o site Notícias da TV, Gloria sustenta que exercia função de apresentadora, mas não era remunerada de acordo com o cargo. A ação foi protocolada no ano passado e ainda não tem previsão para ser julgada.

Gloria Vanique entrou na emissora em 2007. Nos oito anos em que ela deu expediente na emissora, seu salário permaneceu como de repórter. Em 2017, chegou a ter um aumento, após virar ‘repórter de rede’, com participações em telejornais nacionais como ‘Bom Dia Brasil’, ‘Hora 1’, ‘Jornal Hoje’, ‘Jornal Nacional’ e ‘Jornal da Globo’.

Em algumas das aparições de Vanique no ‘Bom Dia Brasil’, por exemplo, ela surgiu como apresentadora do ‘Bom Dia São Paulo’, durante férias de Bocardi. Após a saída da jornalista, a Globo optou por um revezamento de profissionais no mapa do trânsito da cidade, em vez de deixar uma segunda apresentadora fixa. Luiza Vaz e Sabina Simonato estão nesse rodízio.

Continua após a publicidade

No processo, a jornalista não estipula um valor para a Globo pagar. Ela deixa a cargo do judiciário apreciar as provas apresentadas por seu advogado. O processo corre no TRT-SP (Tribunal Regional do Trabalho de São Paulo) e está em segredo de Justiça. Ainda não houve a primeira audiência.

A TV Globo confirma a existência da ação de Gloria Vanique, mas diz que não comenta processos que ainda estão tramitando. Até o momento a jornalista não se manifestou sobre a ação.

Atualmente Gloria Vanique é contratada da CNN Brasil. Na emissora, a jornalista é a apresentadora do programa ‘Nosso Mundo’. O jornalístico vai ao ar aos sábados, às 23h45.