Fechar
dor de cabeça para a poderosa

Justiça determina perícia em documento de ação de fã idosa contra Anitta

Maria Ilza está em uma batalha judicial desde o início de 2021, buscando indenização por danos morais

Fábia Oliveira EM OFF
Fábia OliveiraColunista do EM OFF

A aparição de Maria Ilza de Azevedo, a fã idosa da cantora Anitta, na série documental ‘Anitta: Made In Honório’, segue trazendo dores de cabeça para a poderosa. A Justiça do Rio de Janeiro determinou que seja realizada uma perícia grafotécnica para decidir se houve falsidade documental, já que a senhora alega não ter assinado nenhum documento de autorização de uso de imagem.

Além de nomear um perito judicial para a realização da prova, a Justiça ainda concedeu um prazo de 15 dias para que Anitta e a Conspiração Filmes possam se manifestar sobre o assunto. De acordo com o juiz Josué de Matos Ferreira, da 2ª Vara Cível de Macaé, o laudo deve ser entregue pelo perito em 30 dias úteis.

Maria Ilza está em uma batalha judicial desde o início de 2021, buscando indenização por danos morais contra Anitta, a Netflix e a Conspiração Filmes. No processo, ela alega ter passado por constrangimento, após ser tratada como uma invasora na casa da cantora.

De acordo com os advogados da senhora, na época da exibição da série documental, Maria Ilza estava internada no CTI de um hospital por conta da COVID-19, e soube que sua imagem estava sendo veiculada após receber ligações de parentes e vizinhos que, em sua maioria, zombavam de sua aparição no vídeo. Alguns, inclusive, chegaram a questionar sua sanidade mental.

Continua após a publicidade

No episódio, Maria Ilza aparece sentada no sofá da casa de Anitta, enquanto a cantora experimenta algumas roupas para o seu show no ‘Rock in Rio’. A poderosa chega ao cômodo e diz: “Do nada uma fã aqui”. A mãe da dona do hit ‘Envolver’ chegou a explicar que a senhora teria entrado na casa, após dizer que iria entregar uma roupa e todos acharam que se tratava de um figurino para o show.

Após a situação, Anitta ficou bastante irritada e chegou a mandar um recado para os fãs que iriam assistir o documentário. “Isso tudo é um teste. É isso. Pra você que é meu fã, já sabe, né? Entrou aqui no condomínio e vem aqui pra porta de casa, minha mãe manda você pra dentro. E você fica aqui com a gente. Toma café, acorda, dorme”, ironizou ela.

As informações da decisão do processo foram compartilhadas pelo site ‘Hora Top TV’.