Fechar

EXCLUSIVO Luciano Szafir tem alta após ser internado com quadro de suboclusão intestinal

Ator estava hospitalizado desde sexta-feira (17)

Fábia Oliveira EM OFF
Fábia OliveiraColunista do EM OFF

Internado na última sexta-feira (17), com quadro de suboclusão intestinal, no Hospital Vera Cruz, em Campinas, interior de São Paulo, o ator e apresentador Luciano Szafir recebeu alta na manhã deste domingo, 19. A informação foi confirmada pela assessoria do artista.

“ O paciente apresentou melhora clínica e aceitou bem a dieta. Obtendo alta hoje para acompanhamento ambulatorial”, afirmou o Dr. André Brandalise, médico responsável pelo acompanhamento do artista na unidade em nota enviada.

Na sexta-feira (17), o ator não se sentiu bem e procurou a unidade. Os médicos decidiram deixá-lo em observação. Em comunicado, enviado pela assessoria Szafir para a coluna, o médico André Brandalise, responsável por seu acompanhamento no hospital Vera Cruz, em Campinas, destaca que a internação do ator foi necessária para que o intestino dele voltasse a funcionar normalmente. 

“O Luciano está ainda se recuperando da cirurgia complexa que fez recentemente e apresentou na sexta-feira à tarde um quadro de suboclusão intestinal.Teve que ser internado para ficar em jejum e dar repouso ao intestino para que ele possa voltar a funcionar adequadamente. Está bem, estável, mas ainda sem previsão de alta’, informa o médico na nota. 

Continua após a publicidade

Na semana passada, Szafir teve alta hospitalar do Hospital Copa D’Or, em Copacabana, na Zona Sul do Rio. Na unidade, ele ficou internado por 28 dias após a cirurgia para retirada de uma bolsa de colostomia, realizada no dia 16 de maio.

Szafir precisou colocar a bolsa de colostomia devido às complicações causadas pela Covid-19. A colostomia é um método que se faz necessário para promover a ligação do intestino grosso diretamente à parede do abdômen, quando o órgão não pode ficar ligado ao ânus. A bolsa auxilia na saída e coleta das fezes pelo abdômen.

O pai de Sasha Meneghel ficou cerca de um mês internado, em junho do ano passado, e chegou a ser intubado devido à complicações causadas pelo novo coronavírus. Em julho, ele passou por algumas cirurgias, entre elas, para a colocação da bolsa de colostomia.

O procedimento foi necessário após o ator sofrer perfuração no intestino, devido ao uso de anticoagulantes para tratar uma embolia pulmonar, que foi uma das complicações causadas pela Covid-19.