Fechar
Luto

Morre Monarco da Portela

Baluarte e presidente de honra de uma das mais tradicioanais escolas de samba do Rio estava internado há 40 dias em hospital do Rio

Fábia Oliveira EM OFF
Fábia OliveiraColunista do EM OFF

Hildemar Diniz, de 88 anos, conhecido como Monarco, morreu na tarde deste sábado (11). Baluarte e presidente de honra de uma das mais tradicioanais escolas de samba do Rio, estava internado há 40 dias no Hospital Cardoso Fontes, em Jacarepaguá, na Zona Oeste do Rio, por conta de um intestino obstruído.

Monarco chegou a passar por uma cirurgia para a retirada de um tumor, mas não foi divulgado se era benigno ou maligno. Monarco ficou vários dias internado na Unidade de Tratamento Intensivo do hospital e apresentava sinais de recuperação. O estado de saúde de Monarco deu uma piora nos últimos dias. Ainda não há informações sobre o enterro. O corpo será velado na quadra da Portela.

Monarco nasceu em 17 de agosto de 1933 no Rio de Janeiro. Em agosto de 2021 completou 88 anos. No ano passado, ao chegar aos 87, brincou em uma entrevista dizendo que ainda não havia chegado a sua hora. Monarco deixou uma família cheia de músicos. Seu filho Mauro Diniz é arranjador e cavaquinista, além de compositor de sucessos gravados por boa parte de intérpretes da MPB. A neta, Juliana Diniz, filha de Mauro Diniz, é atriz e cantora com disco solo. Marcos Diniz, o outro filho, além de compositor de sucessos, faz parte do Trio Calafrio.

Continua após a publicidade