Fechar

EXCLUSIVO ‘Não faz mais sentido’ diz Nicole Puzzi sobre título que a levou ao estrelato

Atriz revela que não quer mais ter sua imagem atrelada à sensualidade e quer ser vista como uma pessoa normal

Fábia Oliveira EM OFF
Fábia OliveiraColunista do EM OFF

Não chamem mais Nicole Puzzi de ‘sexy simbol’. Atriz e musa de várias gerações, ela decidiu deixar de lado o título que levou ao estrelato na década de 80 e que foi se perpetuando pelos anos. Aos 63 anos, Nicole quer desassociar de uma vez a sua imagem à sensualiadade e abriu o coração com a coluna.

“Na verdade, as pessoas colocaram essa coisa de sexy simbol em mim. Foi um julgamento das pessoas por eu ter feito parte do cinema nacional, porque eu fiz cinema nacional e não pornochanchada, e eu aceitei. Aceitei, é bem verdade, até porque não tinha como eu evitar, mas só que eu agora cansei. Cansei de ter que mostrar que eu ‘sou sensual’. Nunca fui sensual. Eu interpretava a sensualidade porque eu sou uma atriz. Sou uma atriz e sou uma pessoa normal”, admitiu.

Nicole revelou que já vinha pensando em tomar essa decisão, mas foi adiando. “Nos últimos sete anos, eu vinha aceitando esse título de sexy simbol até também pela apresentação do programa ‘Pornolândia’, título que para mim era pesado demais. Sou uma pessoa bem resolvida sexualmente? Sou, mas, isso independe de ser sexy simbol ou não. Com a idade que eu estou não faz mais sentido para mim essa denominação e eu posso finalmente me assumir como eu sou. Não faz mais sentido ‘ser sexy simbol'”, completou.

A atriz, que faz parte da companhia de Teatro ‘Os Satyros’, está em cartaz com a peça ‘Aurora’, em São Paulo e prestes a participar de um festival em Curitiba. “Eu sou uma atriz que está em um grupo, que está em uma companhia. Vou continuar fazendo os meu filmes e é só isso”, finalizou.

Continua após a publicidade

Tags Relacionadas: