Fechar
teatro

Samuel Sabbá brilha no elenco de ’13 – O Musical’

Espetáculo está em cartaz em São Paulo

Fábia Oliveira EM OFF
Fábia OliveiraColunista do EM OFF

Aos 14 anos, o ator Samuel Sabbá brilha no elenco do ’13 – O Musical’, sucesso da Broadway, que estreou em São Paulo. No começo dos anos 2000, o musical fazia sucesso na Broadway, revelando talentos como a Ariana Grande.

Na história, escrita por Dan Elish e Robert Horn, Evan Goldman é um adolescente nova-iorquino de 13 anos que se muda para uma cidade pequena no estado de Indiana. Ele passa a lidar com os problemas de sua idade, enquanto planeja seu Bar Mitzvá, cerimônia judaica de passagem para a vida adulta, enfrenta o divórcio de seus pais e tenta fazer amigos na nova escola. Uma delas é Patrice ,excluída pelos outros alunos.

Já na adaptação brasileira, que tem a direção de Fernanda Chamma, todas as canções originais de Jason Robert Brown, entre elas, Cresci (adaptação para o português de Thirteen, o tema do musical), são cantadas ao vivo, com a companhia de uma banda composta, quase inteiramente de adolescentes.

A grande novidade da versão brasileira é que a obra conta com dois elencos (que se revezam nas apresentações) e são denominados de elenco ‘Indiana e Manhattan’ e, assim como na Broadway, são totalmente formados por talentos adolescentes.

Continua após a publicidade

Pertencendo ao elenco Manhattan, Sam Sabbá vive o personagem Brett Sampson, um atleta estereotipado do ensino médio que todo mundo adora. Mesmo sendo o quarterback do time de futebol, ele não é o garoto mais inteligente do quarteirão. Ele está aparentemente obcecado em conseguir “a língua”.

Na adaptação brasileira, o famoso valentão, que deveria dar raiva, acaba provocando mais risadas do que qualquer outro sentimento. Personagem feito com leveza, dinamismo e de forma inteligente, no Sabbá faz revezamento com o ator Sidinho.

Sobre a temporada da obra, Sam nos afirma que está sendo muito divertida, pois conta com um elenco todo jovem e eles divertem fazendo o que amam de verdade.

O ator também falou sobre seu personagem: “O Brett é cômico, não consigo fazer ele ser de outra forma. Ele é um adolescente valentão, mas tem um coração puro e ingênuo, o que faz dele engraçado. Acho que o público responde bem, estão curtindo as piadas”, diz.

Ele ainda acrescenta que o que mais chama atenção no personagem é exatamente o estilo cômico: “Gosto muito de comédia e, particularmente, me identifico com o gênero. Não tenho freio quando se trata de fazer palhaçadas, caretas, ou até mesmo ser meio ridículo, pois gosto de comédia e adoro a resposta do público”.

Para o jovem ator, o clima dos bastidores também é sempre muito divertido. O que faz o musical ser leve e muito divertido entre eles. O que sem dúvidas, acaba se tornando mais uma experiência inesquecível integrar essa obra super teen.

Mas, Sam garante que, apesar de ser uma obra teen, ela é feita para todos, pois, além de engraçada, divertida, com um elenco promissor de jovens atores, ainda tem um final surpreendente, como a cereja do bolo onde todo público curte demais.

“A obra é feita de adolescentes, mas com uma linguagem para todo o público. Tem um final que causa muita surpresa. Aproveito para convidar a todos. Nossa temporada já está na reta final, até o dia 29 de maio, então está acabando! Corram, vocês não podem perder”, avisa o artista.

Tags Relacionadas: