Fechar

EXCLUSIVO Tierry cancela show em cima da hora

Equipe do sertanejo teria alegado um público pequeno para uma apresentação e causa revolta nos organizadores do evento

Fábia Oliveira EM OFF
Fábia OliveiraColunista do EM OFF

Pouco público. Esse teria sido o motivo alegado pela equipe de Tierry para cancelar um show em Itatiba, município a 83 km de distância da ca´pital São Paulo, neste sábado (27), justamente no dia da apresentação do cantor no Sossega Madalena. Segundo os organizadores do evento, os produtores do dono do hit ‘Rita’ alegaram que não era possível um show para as 398 pessoas, que pagaram os ingressos antecipados até às 18h desta sexta-feira (26) e que a plateia acordada seria de mil pessoas.

A casa de show ainda antecipou que todas as exigências do cantor e compositor foram cumpridas e o pagamento no valor de R$ 60 mil foi feito de forma antecipada para a Tierry Produções Artísticas LTDA pelo Carioca Club Dance de São Paulo, que arrendou o Sossega Madalena.

A coluna entrou em contato com a casa de show, que enviou um comunicado oficial. “O Sossega Madalena, que teria um show de Tierry, informa que a produção do cantor, sabendo que a venda antecipada até às 18h do dia 26 de novembro totalizava 398 pessoas, decidiu cancelar o evento, alegando que o mesmo não se apresentaria para o ‘público pequeno’. Trata-se de um desrespeitando àqueles que compraram ingressos e fãs do artista e nós, com a experiência de shows na cidade, sabíamos que esse número chegaria ao público acertado de mil pessoas”, explica. O Sossega Madalena expos nas redes sociais .

Ainda tentando resolver problemas com o cancelamento em cima da hora do show e com devolução de todos os ingressos vendidos antecipadamente, os organizadores e o dono da casa de show Adilson Luciano estavam entrando em contato direto com Tierry para encontrar uma solução no início da tarde deste sábado.

Continua após a publicidade

“Estamos tentando falar com ele por WhatsApp para chegar a um acordo. Mas, prejuízo é terrível para nós porque isso está acontecendo após um longo período de pandemia. O nosso setor de entretenimento sofreu demais e o estabelecimento está tendo se recuperar de uma grave crise. Estávamos com 60 funcionários contratados, uma equipe de som e iluminação, além de hotel e vans reservados e pagos”, contou Adilson para a coluna.

Procurada, a assessoria de Tierry informou que show foi adiado em comum acordo com o contratante legal e, em breve uma nova data será informada. Ressaltimos ainda que a casa Sossega Madalena não é parte integrante do contrato e não tem ciência das decisões tomadas entre o contratante e o escritório do artista.

No final da tarde, o cantor se pronunciou e negou que tenha cancelado o show por conta do público pequeno. Disse que estava em São Paulo e que não iria deixar ninguém sujar o seu nome. “Não é verdade que eu tenha recusado a fazer show para 200, 400 ou 600 pessoas. Luto para manter o meu nome e não vou deixar ninguém sujar o meu nome e sai barato”.

Post da equipe de Tierry sobre show de cancelado/Reprodução
Post de Tierry sobre a conversa que teve com dono de casa de show em Itatiba/Reprodução

Tags Relacionadas: