Fechar
investigação

Um dos suspeitos de furto ao apartamento de Carlinhos Maia é solto pela polícia

Soltura aconteceu após realização de audiência de custódia. Outros dois suspeitos do crime permanecem presos

Fábia Oliveira EM OFF
Fábia OliveiraColunista do EM OFF

Hemerson de Holanda Lira, um dos três suspeitos de participar do furto milionário ao apartamento de Carlinhos Maia, foi solto nesta quarta-feira (8), após audiência de custódia, em Alagoas. A revogação da prisão aconteceu após o empresário se defender dizendo que não foram apresentadas provas concretas que o liguem ao crime. As informações são do Jornal Extra de Alagoas.

Os outros dois suspeitos, Euliabio Custódio Nepomuceno e Wellington Medeiros da Silva Moraes continuam presos e devem ser levados ao sistema prisional do estado. Todos os suspeitos são naturais de Campina Grande, na Paraíba, onde foram presos, na última segunda-feira (6).

Segundo as as investigações, um veículo Fox branco que teria sido utilizado pelos criminosos para ir de Campina Grande até Maceió, onde está localizado o apartamento de Carlinhos Maia, foi a principal pista que resultou na prisão dos três. O carro teria sido identificado por câmeras de segurança localizadas próximas ao local do crime. Dentro do Fox a polícia encontrou luvas, lanternas e uma escada desmontável.

Em coletiva de imprensa, um dos responsáveis pela investigação, Gustavo Xavier, disse que não sabe exatamente quem fez o que no momento do crime, ele apenas deu certeza da participação deles no roubo. “Sabemos que tem participação direta, mas ainda não identificamos a participação de cada um no furto do apartamento do Carlinhos”, disse o delegado.

Continua após a publicidade

O assalto ao apartamento de Carlinhos Maia, em Alagoas, Maceió, aconteceu na madrugada do último dia 29. Em entrevista para esta coluna, o influenciador contou que sua equipe tentou esconder o ocorrido num primeiro momento, na tentativa de poupá-lo, já que ele estava no hospital se recuperando de uma cirurgia plástica na barriga. Mas o humorista acabou descobrindo sobre o roubo de uma maneira inusitada.

“Toda a minha equipe estava me escondendo (o roubo) por causa da cirurgia. Mas o marido da Gloria Pires, Orlando Morais, acabou me falando pelo WhatsApp, achando que eu já estava sabendo. O Lucas soube antes de mim e não me contou também”, revelou Carlinhos à coluna.

Os criminosos levaram mais de R$ 5 milhões, entre dinheiro, relógio, joias e bolsa de grife. O relógio furtado está avaliado em cerca R$ 1 milhão. Carlinhos havia comprado o acessório recentemente, durante viagem aos Estados Unidos. Já o cordão com 36 diamantes custa em torno de R$ 1,3 milhão.

Os ladrões fingiram o arrombamento da porta de entrada do imóvel do influencer quando, na verdade, eles entraram utilizando a senha da fechadura eletrônica. Os criminosos pareciam já conhecer o apartamento, uma vez que foram direto ao cofre onde estavam os objetos de maior valor de Carlinhos, não tendo mexido em outros cômodos do apartamento.

O crime aconteceu enquanto Carlinhos Maia estava internado em um hospital de Maceió realizando uma cirurgia plástica e Lucas Guimarães estava trabalhando em Cancún, no México. Ou seja, o roubo foi justamente quando os criminosos sabiam que não teria ninguém em casa.