ExclusivoZagallo é internado no Rio

Ex-jogador e ex-técnico do futebol está tratando problemas respiratórios

Fábia Oliveira
Colunista do EM OFF

O ex-jogador e ex-técnico de futebol, Mário Jorge Lobo Zagallo, o Zagallo, de 90 anos, deu entrada no Hospital Barra D’Or, na Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio de Janeiro, no último dia 26, onde permanece internado. Procurada, a assessoria de Zagallo confirma a informação.

“O sr Mário Jorge Lobo Zagallo se encontra internado desde o dia 26/7, no Hospital Barra D’Or, para tratamento de infecção respiratória. Está neste momento sob cuidados médicos, lúcido, respirando espontaneamente sem a ajuda de aparelhos. Foi realizada testagem para COVID-19, que foi negativa”, informa o boletim médico divulgado.

Carreira

Nascido no dia 9 de agosto de 1931, em Maceió (AL), Zagallo foi criado no Rio de Janeiro e começou a carreira jogando na ponta-esquerda do América, em 1950. Mas o sucesso veio mesmo quando começou a defender o Flamengo, entre os anos 1951 e 1958.

Depois do Flamengo, o ex-jogador, que atuava como ponta e meio-campista, foi defender o Botafogo, ao lado de outras feras como Garrincha, Didi e Nílton Santos. Na Seleção Brasileira de futebol, Zagallo foi o titular nas conquistas dos mundiais de 1958 e 1962. Ele também conquistou cinco campeonatos cariocas, sendo três pelo Flamengo (1953, 54 e 55) e dois pelo Botafogo (1961 e 1962).

Já como treinador, comandou a Seleção Brasileira de 70, conquistando a Copa do Mundo do México. Ele também esteve no comando da Seleção na Copa de 74. Anos depois, voltou a integrar a equipe do time canarinho na década de 90. Ao lado de Parreira, Zagallo, como coordenador, levantou mais um caneco, desta vez, como campeão da Copa de 94, nos Estados Unidos.

O maior orgulho de Zagallo em sua carreira no futebol foi ter participado de quatro vitórias da Seleção Brasileira em mundiais. E por pouco ele não foi pentacampeão, já que também dirigiu o time em na Copa da França, em 98, quando o Brasil foi vice-campeão.