Fechar
POLÊMICA!

Adriane Galisteu é criticada por levar filho a parada gay

Apresentadora se pronunciou nas redes sociais após as críticas

Jean TellesRepórter do EM OFF

A apresentadora Adriane Galisteu foi alvo de críticas nas redes sociais nessa segunda-feira (20), após ter marcado presença na parada do Orgulho LGBTQIAP+, em São Paulo, na companhia de seu filho Vittorio Lodice, de 11 anos. Em suas redes sociais, Galisteu ainda fez questão de compartilhar uma foto com seu herdeiro no evento onde ambos utilizavam roupas com as cores do arco-íris. 

Nos comentários da publicação da comunicadora, alguns internautas repreenderam a apresentadora do “Power Couple”, declarando que Adriane Galisteu estava “incentivando seu filho a ser gay”, outros chamaram a atenção para a pouca idade da criança: “Que triste submeter uma criança a isso”, comentou uma internauta na foto da contratada da emissora de Edir Macedo, com seu filho.  

Nesta segunda-feira (20), Adriane Galisteu se pronunciou sobre as críticas através de seu perfil no Twitter, explicando que sempre irá mostrar o caminho do respeito para seu filho: “Eu sempre vou mostrar para o meu filho o caminho do respeito, liberdade e amor, afinal, o amor é a única revolução verdadeira. Ótima semana para vocês, meu beijo!”. 

Nos comentários do post, fãs se solidarizaram: “A vida é cheia de altos e baixos, e no mundo que vivemos, o respeito ao próximo é sempre a melhor virtude do ser humano, que saibamos amar mais, respeitar mais, e entender mais”, apoiou um fã de Galisteu. Vale lembrar, que comentários como estes que tomaram conta das redes sociais da apresentadora ao longo do dia, só reforçam comportamento homofóbico. Prática que é crime no Brasil desde 2019. 

Continua após a publicidade