Fechar
NOVIDADES

Advogados de VK afirmam ter provas que testemunha deu depoimento falso

Informação foi antecipada pelo jornalista Luiz Bacci em seu perfil no Instagram

Danilo ReenlsoberRepórter do EM OFF

A novela envolvendo a morte do funkeiro MC Kevin ganhou mais um capítulo na manhã deste sábado (21). O jornalista Luiz Bacci, que tem acompanhado de perto os desdobramentos da investigação, publicou nas suas redes sociais novas informações sobre o caso. Segundo ele, uma testemunha foi “plantada” e deu um depoimento falso à polícia.

Bacci escreveu em um storie no seu perfil no Instagram que os advogados do funkeiro Victor Fontenelle, o MC VK, e de Jonathan Cruz, já possuem provas sobre a possível irregularidade. Ambos eram amigos de MC Kevin e estavam presentes no momento da morte do artista, em maio, quando ele caiu da sacada de um quarto no quinto andar de um hotel no Rio de Janeiro.

Defesa de MC VK e Jhonatas diz ter documentos que podem provar que uma testemunha foi plantada e deu falso depoimento sobre a morte do cantor“, escreveu o apresentador do Cidade Alerta, da Record TV. “Quem é essa testemunha? Quem teria plantado e com qual objetivo?”, questionou em seguida o comunicador.

Essa não é a primeira vez que Bacci antecipa informações da investigação da morte de MC Kevin. No começo do mês, ele publicou, também no Instagram, que a advogada Deolane Bezerra, viúva do funkeiro, havia prestado um novo depoimento à polícia. Na sua fala, Deolane teria dito aos policiais que os amigos do famoso teriam “induzido” a morte do artista.

Continua após a publicidade

Em novo depoimento, Deolane disse à polícia que amigos de Kevin queriam se livrar do cantor para fazerem [sic] sexo sozinhos com Bianca. Isso teria provocado o que ela chama de indução ao suicídio“, escreveu o jornalista. A publicação de Bacci foi feita no dia 5 de agosto. No dia anterior, ele já tinha divulgado outros dados envolvendo a investigação.

Advogado de MC VK acaba de pedir à polícia que testemunha apresentada por Bianca, que fez acusações graves contra VK, tenha o sigilo de sua localização geográfica quebrado no dia da morte de Kevin. O procurador do MC questiona a veracidade do depoimento do cantor português, apresentado pelo advogado de Bianca“, informou o apresentador do Cidade Alerta.

O português citado por Bacci é Fernando Dimy Junior. Ele é uma testemunha apresentada pelo advogado de Bianca Dominguez, Danilo Garcia, no começo do mês. Ele estaria hospedado em um prédio próximo ao apartamento em que Kevin e VK estavam junto com a acompanhante Bianca Dominguez. Segundo Fernando, VK estava tentando “incentivar ou assustar” Kevin.

MC Kevin morreu no dia 16 de maio, depois que caiu do quinto andar de um hotel de luxo na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro. O cantor paulista tinha ido para a Cidade Maravilhosa para fazer um show e se hospedou no local com a esposa, Deolane Bezerra, e com os amigos. Ele teria morrido ao tentar “fugir” do quarto e pular para um quarto no andar de baixo.

Tem alguma foto? print? vídeo? ou áudio de alguma fofoca? envie um e-mail para contato@portalemoff.com.br sua identidade será mantida no mais absoluto sigilo