Fechar
XENOFÔBICA

Antônia Fontenelle é convocada a prestar depoimento na delegacia

Após ser acusada de praticar racismo de etnia, Antônia terá que comparecer à delegacia para depor

Neto MacielRepórter do EM OFF

Após o caso do DJ Ivis, preso por agredir a esposa, a apresentadora Antônia Fontenelle comentou por meio de sua conta do Instagram, uma publicação sobre o músico. No entanto, em meio a suas falas, ela usou expressões tidas como preconceituosas e xenofóbicas por internautas, como “paraíba” e “paraibada”.

As frases ditas pela ex-esposa do diretor Marcos Paulo, levaram a Polícia Civil da Paraíba a determinar a abertura de uma investigação pelo crime de xenofobia contra Fontenelle. O delegado responsável pelo caso, Pedro Ivo, disse na ocasião que suas falas são de características racistas.

Expressões como ‘Paraibada’, ‘esse Paraíba’, são expressões que aparentemente caracterizam crimes previstos no artigo 20 da Lei 7716 de 1989, a chamada Lei do Racismo, que prevê penas para condutas criminosas de intolerância em geral“, disse o delegado.

Segundo informações da coluna de Fabia Oliveira, do jornal O Dia, Antônia Fontenelle terá que comparecer à 16 delegacia de polícia da Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro, na manhã da próxima sexta-feira (20) para prestar esclarecimentos sobre as frases ditas a seus seguidores nas redes sociais.

Continua após a publicidade

Em meio suas falas, Antônia chamou DJ Ivis de “Paraíba”. Logo em seguida, os internautas criticaram a fala da famosa, que voltou às redes sociais e afirmou ser uma “expressão” para quando alguém faz “paraibada”. “Esses ‘paraíbas’ fazem um pouquinho de sucesso e acham que podem tudo. Mas Amanhã vou contatar as autoridades do Ceará para entender porque esse cretino não foi preso”, disse Fontenelle.

Esse bando de desocupado aí da máfia digital que não tem nada o que fazer. Se juntaram para agora me acusar de xenofobia. De novo? Não cola!”, disse Antônia quando novamente foi questionada pelo assunto. Até mesmo a advogada Juliette Freire, na época, entrou na discussão e não gostou do posicionamento de Fontenelle.

A apresentadora continuou. “Já tentaram me acusar de xenofobia. (…) Porque eu falei ‘esses paraíbas’ quando começam a ganhar um pouquinho de dinheiro acham que podem tudo. ‘Paraíba’ eu me refiro a quem faz ‘paraibada’, pode ser ele sulista, pode ser ele nordestino, pode ser ele o que for. Se fizer paraibada, é uma força de expressão”, finalizou Antônia em vídeo quando tentou se justificar.

Tem alguma foto? print? vídeo? ou áudio de alguma fofoca? envie um e-mail para contato@portalemoff.com.br sua identidade será mantida no mais absoluto sigilo