Fechar
Falou Tudo

Carol Celico surpreende ao revelar que tem até localização do marido

Por meio de suas redes sociais, a influenciadora digital contou ainda que tem todas as senhas de Eduardo Scarpa

Bruno PintoRepórter do EM OFF

Carol Celico resolveu bater um papo com seus seguidores. A empresária, que se casou recentemente com Eduardo Scarpa, abriu as famosas caixinhas de perguntas para responder as principais dúvidas dos fãs. Sem fugir dos assuntos, a ex-mulher de Kaká surpreendeu ao falar sobre suas inseguranças no atual relacionamento. Carol contou que, além de senhas, ela tem até a localização em tempo real do marido.

A influenciadora digital de 34 anos disse que no início do namoro o negócio era mais intenso e chegou a fuçar o celular de Eduardo. Ela revelou que fez questão de apagar alguns contatinhos que não eram do seu agrado, bem como deixou de seguir algumas pessoas nas redes sociais do amado. A moça não pensou duas vezes e falou tudo sobre privacidade quando se está dentro de um relacionamento.

Carol contou que o fato de ter deixado de seguir diversas pessoas na rede social do marido ainda é motivo de piadas entre o casal. Segundo ela, Scarpa começa rir ao lembrar que a mulher deletou até pessoas da família do esposo: “No começo do namoro, já mexi no celular do Eduardo. Dei unfollow em um monte de gente sem ele ver. Até hoje, ele ri de mim porque dei unfollow até em gente da família. Péssimo”.

A ex-mulher do ex-jogador de futebol Kaká revelou que tem todas as senhas do amado e contou que faz questão de manter a localização de ambos ativa, para que cada um saiba onde o outro está. De acordo com a influenciadora digital, a medida não tem nada a ver com ciúmes, mas sim com segurança: “Temos as senhas, temos até a localização um do outro por segurança, mas nunca lembramos de entrar e olhar. A família toda tem: mãe, irmão e filhos, óbvio”.

Continua após a publicidade

Embora tenha revelado essas atitudes um tanto quanto peculiares, Carol falou sobre manter a privacidade dentro do relacionamento. A influencer defendeu que cada um deve ter os seus momentos e citou a intimidade no banheiro para justificar seu raciocínio: “Não existe a possibilidade de entrarmos no celular do outro. É privacidade, como se fosse entrar no banheiro enquanto o outro está ocupado”.

Quando questionada por um de seus seguidores, Carol Celico disse que, a partir do momento que a pessoa tem a necessidade de mexer no celular do outro, é um claro sinal de que ela está insegura. De acordo com a influenciadora digital, o assunto deve ser tratado com muito cuidado, pois quando a situação chega em determinado estágio, fica evidente a necessidade de um tratamento.

“Se você está precisando entrar no celular do outro, você está com insegurança. Precisa se tratar antes de tudo e também precisa ver se o outro está fazendo coisas que, de fato, te trazem insegurança. Ou seja, o problema é muito maior e mais sério que a senha do celular e tem que ser visto com cuidado.”