Fechar
DECLARAÇÕES INCORRETAS

Conselho Regional de Nutrição entra com ação contra Maíra Cardi no combate à fake news

O órgão governamental pediu esclarecimentos sobre algumas informações incorretas divulgadas pela coach de emagrecimento, Maíra Cardi

Matheus NunesRepórter do EM OFF

No dia 9 de março, o Conselho Regional de Nutricão (CRN-4) fez um post em seu Instagram oficial informando que entrou com uma representação no Ministério Público do Rio de Janeiro contra a coach de emagrecimento e influenciadora digital, Maíra Cardi. De acordo com o órgão, a atuação aconteceu após a construção de um parecer técnico-científico que visa o esclarecimento de informações incorretas sobre alimentação divulgadas pela famosa.

”O Conselho Regional de Nutricionistas 4a Região (CRN-4) entrou com representação contra a empresária Maíra Cardi no Ministério Público do Rio de Janeiro (MP/RJ). A ação acontece após a construção de um parecer técnico-científico que visa o esclarecimento de informações incorretas sobre alimentação”, informou o conselho dos nutricionistas através do comunicado. ⠀

Logo após, a organização governamental alertou as pessoas que acompanham a esposa de Arthur Aguiar, vencedor do BBB22: ”Alertamos para que a população tenha cuidado e senso crítico com falas sensacionalistas e fake news a respeito da alimentação, nutrição e comportamento alimentar disseminadas em redes sociais e na mídia”.

Em seguida, o CRN4 afirmou que, mesmo sendo pessoa pública, Maíra Cardi não está habilitada para exercer a profissão: ”Pessoas leigas como influenciadores digitais e empresários que atuam na indústria do emagrecimento, mesmo que seja uma pessoa pública e tenha milhões de seguidores em sua rede social, não estão habilitados para falar sobre temas tão importantes. E assim, não há garantias de que haja veracidade, respaldo técnico ou conhecimento científico”.

Continua após a publicidade

”O CRN-4 enfatiza que, de acordo com a Lei Federal 8.234/91, a prescrição dietética é atividade privativa do nutricionista. Dietas indicadas de forma irregular podem levar a danos à saúde.⠀NUTRIÇÃO É COM CIÊNCIA! NUTRIÇÃO É COM NUTRICIONISTA!⠀#nutrição #saúde #nutricionista #contraexercicioilegal”, finalizou alertando que as dietas indicadas podem danificar a  saúde das pessoas não terem comprovação científica.

Durante a participação de seu esposo, Arthur Aguiar, no maior reality show da televisão brasileira, Maíra fez um comentário que repercutiu muito aqui do lado de fora. A ex-sister do BBB9 usou o termo ‘estupro alimentar’ em uma de suas colocações e foi extremamente julgada por algumas pessoas, inclusive famosas. 

A renomada chef de cozinha e ex-jurada do Masterchef, Paola Carosella ficou indignada com a fala da coach de emagrecimento e a chamou de ‘louca’ no programa Papo de Segunda, que vai ao ar toda segunda-feira no canal GNT. ”Tem muitos papos por aí sobre comida. E tem muita gente muito maluca. Tem a mulher do Arthur Aguiar que falou do estupro alimentar. Que mulher louca”, opinou.

Na entrevista, Paola comentou sobre a boa relação que as pessoas precisam ter com alimentação: “Uma coisa que a gente não faz mais: pensar na nossa conexão com a comida. A gente precisa se envolver com o ato de comer. A gente precisa cozinhar, gastar um tempo cozinhando, envolver o corpo”, declarou ela.

Depos, a chef de cozinha voltou a criticar a influenciadora e soltou o verbo: “Ela deixa todo mundo magro. Ela é uma folha de dendê, toda malhada. E o marido dela entrou no ‘BBB’ e não come mais a comida que ela faz toda mensurada”. A fala de Paola repercutiu tanto ao ponto de Luana Piovani, mãe dos filhos de Pedro Scooby, concordar e compartilhar em suas redes sociais.

“E tá certíssima! Precisa de uma gringa pra ter coragem de se dizer o que precisa!! Alguém já viu o vídeo do ‘estupro alimentar’?!? Devia ser proíbido compartilhar tanta ignorância”, alfinetou a atriz da TV Globo sem papas na língua.

Durante a passagem de Arthur Aguiar no BBB22, o ex-participante comeu bastante pão no confinamento e isso incomodou sua esposa aqui do lado de fora. ”Você acabou de destruir todo o trabalho que eu fiz no seu corpinho”, criticou ela em seu instagram. O comentário gerou bastante repercussão ao ponto de ser repudiada por nutricionistas. 

De acordo com a nutricionista do portal Metrópoles, Thaiz Brito, nenhum alimento isolado garante o emagrecimento ou levar a pessoa ao ganho de peso. ”O pão pode sim estar presente nas refeições, contanto que o consumo seja equilibrado e acompanhado de atividades físicas. O valor nutricional do alimento é de aproximadamente 135 a 140 calorias a cada 50g. Em sua composição também há, em média, 4g de proteínas, como o glúten”.