Fechar
entrevista

Deolane Bezerra fala sobre morte de MC Kevin: ‘Mataram o moleque’

Advogada também citou Bianca Rodriguez, a acompanhante de luxo que estava no apartamento do hotel no momento do acidente

Danilo ReenlsoberRepórter do EM OFF

A advogada Deolane Bezerra, viúva do funkeiro MC Kevin, voltou a questionar o inquérito policial que investiga a morte do ex-companheiro. Para ela, ainda há fatos mal explicados e falas controversas em depoimentos coletados pela polícia. Além disso, ela falou de um áudio da acompanhante Bianca Rodriguez que diz “mataram o moleque”.

Alguma coisa tem, são três depoimentos diferentes“, disse a advogada em entrevista ao programa Pânico, da Rádio Jovem Pan, na tarde desta segunda-feira (19). “Ninguém tá falando a verdade e os depoimentos são diferentes“, ressaltou. Ela se refere aos depoimentos colhidos no dia da morte do funkeiro e no dia seguinte pela polícia. Para ela, as informações repassadas são controversas.

Deolane citou também Bianca Rodriguez, a acompanhante de luxo que estava no apartamento do hotel da Barra da Tijuca no momento do acidente. “Apareceu diversos áudios da Bianca sem demonstrar nenhum sentimento e tudo diferente dos depoimentos“, afirmou.

Se fosse droga, nóia, paranóia, se fosse alucinação, mas não do jeito que tá, então pra mim tem algo errado“, argumentou a advogada. “Não bati na porta [do quarto]. Ninguém fala que eu bati na porta [nos depoimentos], mas no áudio a Bianca disse que houve uma brincadeira“. No citado áudio, seguno Deolane, Bianca diz que “eles mataram o moleque”, mas sem dar mais detalhes.

Continua após a publicidade

Segundo Deolane, a morte de MC Kevin é fruto de uma brincadeira de mau gosto. “Imagino uma brincadeira de mau gosto, mas sabendo como era a nossa relação, era um erro. Pelas loucuras que ele já tinha feito… Ele já entrou com o carro na minha casa, já foi atrás de mim na balada. As pessoas achavam que a gente era um casal marketing… Me vi fazendo coisas que eu nunca imaginei“.

A ex-companheira de MC Kevin também falou sobre Victor Fontenelle, o MC VK, amigo do artista que também estava no quarto no momento do acidente. “Victor queria que o Kevin pagasse [a acompanhante de luxo]. Ele não tinha dinheiro pra comprar uma Coca-Cola. O Kevin bancava tudo. Eu advogava de graça pro Vitor“, disse.

A advogada também falou sobre assuntos pessoais. Ela disse que não tem mais nenhum contato com a família de MC Kevin. “Não gosto de gente falsa. Eu sou verdadeira. Falaram coisas de mim, mandaram indireta“.

Ela também disse que foi para Dubai para se separar do funkeiro. “Dois anos e eu nunca trai ele, mas eu perdoei coisas por amor. Kevin não tinha limites nenhum. Quando fui pra Dubai, eu coloquei um ponto final. Sai do Brasil para acabar o relacionamento“.

Você usa TELEGRAM? Então entre no nosso canal e receba nossas notícias no seu celular.
Basta clicar aqui -> https://t.me/portalemoff