'Convidado não convida'

Deolane Bezerra manda recado para penetras e promete barrar em festa

Em seu Twitter, a famosa mandou seu recado para as pessoas que tentarem invadir o local

Nayara Vieira
Repórter do EM OFF

Deolane Bezerra realiza nesta terça-feira (19) sua festa com o tema ‘Ressaca Junina’. Para evitar penetras, como ocorreu em sua festa de aniversário do ano passado, a advogada fez alguns preparativos para que seja impossível quem não foi convidado por ela entrar no evento. Em seu Twitter, a famosa mandou seu recado para as pessoas que tentarem invadir o local.

Lembrando: a festa é apenas para convidados e eu estou acompanhando a lista então sei muito bem que vai estar presente”, escreveu a celebridade, no Twitter. Antes dessa publicação, em seus stories, Deolane usou a rede social para reforçar esse recado. Na tentativa de evitar essa dor de cabeça, a famosa investiu em algo tecnológico para barrar os penetras. Segundo a doutora, na estrada da festa os convidados vão passar por um reconhecimento facial.

Estou aqui aprovando a lista de convidados da nossa ‘Ressaca Junina’ e tem pessoas que eu nunca vi na vida. Deixa eu dizer uma coisa, não adianta espalhar o link, porque vai ter reconhecimento facial, olhamos rostinho por rostinho,dessa vez não será bagunçado. Peço que não fiquem tristes, mas convidado não convida e quem não gosta de mim também não irão, um pouquinho de empatia”, afirmou Deolane Bezerra.

Ainda nesta segunda-feira (19), Deolane esteve no PocCast, um podcast no Youtube apresentado por Rafael Uccman e Lucas Guedez. Ao falar sobre fama, ela disse que não gostaria de ser famosa. “Eu não quero fama, essa loucura. Não ligo para isso, eu continuo fazendo as mesmas que fazia quando não era famosa. Eu amo ir para um barzinho, ficar num boteco de esquina comendo churrasquinho”, confessou a influenciadora, que soma 14,6 milhões de seguidores apenas no Instagram.

Questionada sobre qual profissão prefere atualmente, Deolane Bezerra foi sincera: “Não vou mentir, gente. Não é menosprezando a profissão. Amo, sou advogada por amor, faço alguns processos ainda. Mas se me perguntarem ‘hoje em dia, você prefere qual?’, não vou mentir: sem dúvida, é ser influencer“.