Fechar
NÃO GOSTOU

Duda Reis desabafa nas redes sociais e acusa jornal de machismo

A influenciadora e modelo não gostou de ter seu nome vinculado ao de Nego do Borel

Danilo ReenlsoberRepórter do EM OFF

A modelo e influenciadora Duda Reis não gostou de ver seu nome atrelado ao do funkeiro Nego do Borel, com quem viveu um relacionamento conturbado, em uma matéria publicada pelo jornal O Estado de São Paulo. A publicação repercutiu o anúncio da famosa, que disse que irá criar uma ONG (organização não governamental) contra violência doméstica.

A reportagem produzida pelo Estadão apresenta a seguinte manchete: “Ex-namorada de Nego do Borel quer criar ONG para combater violência doméstica”. Revoltada, a influencer foi às redes sociais desabafar. Ela acusou o jornal de machismo e reforçou que tem o seu próprio trabalho para não precisar ser reconhecida apenas como a ex-mulher de um homem famoso.

Eu até repostaria Estadão, mas vocês foram extremamente machistas na manchete de vocês, me atrelando ao homem que me agrediu. Gostaria de dizer que eu tenho nome, profissão e gostaria de lamentar o fato de boa parte da sociedade ainda só reconhecer uma mulher pelo ‘papel que ela representa ou representou na vida de um homem’. Passar bem“, escreveu a famosa na publicação do jornal.

Nos comentários da postagem do jornal, muitos seguidores e fãs de Duda Reis concordaram com a influenciadora e criticaram a posição do Estadão. “Qual a necessidade de atrelar ela ao cara?“, questionou uma internauta. “Ela não é somente ex do Nego do Borel, poderia ter colocado que ela é influencer, hein Estadão?”, criticou outra.

Continua após a publicidade

A reportagem do Estadão tratou sobre a série de stories no Instagram que Duda Reis publicou nesta segunda-feira (04). Na ocasião, a influenciadora respondeu a uma pergunta feita por internauta sobre a intenção de criar uma ONG. “Isso era um segredo, mas está prestes a acontecer. Estamos montando [a ONG] e organizando tudo certinho e creio que será um projeto muito especial“, disse.

Como quero que seja para sempre, estamos estruturando tudo. Acho que a pressa é inimiga da perfeição, e quero que seja tudo impecável”, adiantou a influencer. Duda também detalhou sobre o que pretende fazer contra a violência doméstica. “Será uma ONG em prol das mulheres, onde elas poderão receber ajuda e auxílio jurídico para situações de violência. Estou animada!”, escreveu.

Relembre

Nego do Borel e Duda Reis começaram a namorar em fevereiro de 2019. O primeiro término veio em dezembro do mesmo ano. Na época, nenhum dos dois falou sobre o assunto. Em abril de 2020, Nego e Duda anunciaram a reconciliação. A notícia não agradou a todos. Os pais de Duda, por exemplo, fizeram declarações polêmicas nas redes sociais e demonstraram ser contra o relacionamento da filha com o cantor.

Em junho de 2020, o cantor fez o pedido de noivado a Duda. Em dezembro do mesmo ano, eles anunciaram que tinham terminado tudo. Após o fim do relacionamento, Duda afirmou que apanhava de Nego do Borel e acusou o cantor de dopá-la e estuprá-la. No início de 2021, ela concedeu uma entrevista ao Fantástico, da TV Globo, e falou sobre os mais de dois anos de relacionamento abusivo.