Fechar
É machismo ou não?

Ex-BBB Maria indica que ‘supremacia masculina’ no ‘BBB22’ seria machismo

A ex-BBB desabafou após deduzir que Jessilane poderá ser a próxima eliminada da casa e, provavelmente, com rejeição

Aline TorresRepórter do EM OFF

O “Big Brother Brasil 22” está na reta final e apenas uma mulher resta na casa. Jessilane Alves é a única remanescente do grupo das comadres e ainda tenta brigar pelo prêmio de R$ 1,5 milhão, mesmo sem nenhuma das aliadas ao seu lado. A única pessoa com quem a professora de Biologia está contando no momento é Eliezer, que também não tem a situação favorável dentro do programa.

Com o provável pódio masculino, algumas pessoas têm mostrado seu descontentamento com a situação. Foi o caso da ex-BBB22 Maria, que resolveu fazer um desabafo nas redes sociais sobre a situação, apontando um suposto machismo. Isso porque Jessilane pode ser a próxima eliminada e a suspeita de Maria é de que saia com rejeição, assim como outras mulheres da edição.

“Falavam que esse bbb não era sobre meninos x meninas, mas agora só temos uma mulher na casa (uma das pessoas do elenco que mais merecem o prêmio) e ainda querem eliminar com rejeição”, escreveu Maria, inconformada com a provável saída de Jessilane em um paredão com dois homens da casa.

Vale lembrar que a maioria das mulheres da casa saíram com alta rejeição, até mesmo Jade Picon, que no início do jogo era considerada por fãs do programa como uma das favoritas ao grande prêmio. A influencer foi eliminada com 84,93%. Linn da Quebrada também estava sendo vista como uma favorita pelos internautas, mas saiu com uma rejeição de 77,60%.

Continua após a publicidade

Natália Deodato, melhor amiga de Jessilane na casa, saiu nesta terça-feira (12) com uma porcentagem alta, 83,43%. Todo o contexto das últimas eliminações levou Maria a crer que a professora também será eliminada com rejeição. Permanecem ainda na disputa, além de Jessi, Gustavo, Douglas Silva, Pedro Scooby, Eliezer, Arthur Aguiar e Paulo André.

Conforme internautas, os favoritos ao prêmio no momento são Arthur Aguiar, Scooby e Paulo André. O atleta olímpico tem crescido perante os fãs do programa que têm gostado das suas atitudes, incluindo sensibilidade e amizade que tem com os colegas de confinamento. O último momento em que PA ganhou o coração dos telespectadores foi quando ficou triste pela “saída” de Arthur, que na verdade, estava no paredão falso.

Grupo de WhatsApp dos ex-brothers

Eslovênia Marques participou do programa “Fora da Casa”, transmitido no canal fechado do Grupo Globo, Multishow, sempre com o eliminado da semana. Na ocasião, a ex-BBB22 aproveitou para falar uma fofoca entre os que participaram da edição que ainda está no ar, mas que já haviam saído da casa. A miss não se incomodou em citar nomes:

“Eu tenho uma fofoca bem recente, de ontem. Eu não sei se eu posso falar? O povo vai ficar muito manifestado comigo, de verdade. Mas eu não estou nem aí? É o seguinte, a gente fez um grupo com a galera que está saindo da casa, todo mundo. Segundos depois, uma pessoa específica saiu, do nada. Foi a Maria”, relatou a modelo.

Não satisfeita em ter contado só uma parte da fofoca, Eslô aproveitou para contar outro detalhe sobre a ex-colega de confinamento: “E também soube que Maria me deu unfollow assim que ela saiu da casa. As pessoas pensam que os lollipop estão mil amores, mas tem gente que não”, acrescentou a namorada de Lucas Bissoli na casa.

Maria logo tratou de responder a ex-colega do quarto Lollipop através de texto nas redes sociais: “Oi, Eslô. Eu odeio grupos de WhatsApp (principalmente quando metade nem se fala). E se quiser conversar, a minha DM é aberta. Eu teria te chamado lá, mas já que o assunto começou em público, vou terminar dando a minha versão por aqui também. Um cheiro”, finalizou.