Fechar
REENCONTRO

Ex-BBB Rodolffo se encontra com Gil do Vigor

Gil do Vigor aproveitou para relembrar de sua ida à Califórnia.

Neto MacielRepórter do EM OFF

Na noite de ontem (23), os ex-bbbs Rodolffo Matthaus e Gil do Vigor se reencontraram nos bastidores da Globo. O motivo desse encontro ao acaso foi a participação dos famosos no “Criança Esperança”. o cantor sertanejo publicou em sua conta do Instagram o momento em que reviu o economista, companheiro de confinamento.

Gil do Vigor aproveitou para relembrar de sua ida à Califórnia “Menino eu tô indo pra Califórnia, eu tô nessa luta“. Ainda em resposta a Rodolffo, Gil disse que irá embarcar para Califórnia no próximo sábado. Ele ficará nos EUA de quatro à seis anos, se dedicando inteiramente ao seu doutorado. Juntos, eles relembram um bordão de Gil, ao mesmo tempo em que dançavam “Batom de cereja“. “IHHHH BRASIL

Gilberto falou sobre o quanto a educação foi importante para ele. “Eu sabia que a educação poderia transformar a minha vida. Estar aqui hoje falando sobre educação e saber que sábado eu estou indo para o meu PhD… vem um filme na minha cabeça porque foi escola pública. Brasil, foi escola pública, sabe?”.

O ex-bbb que saiu da periferia de Recife se emocionou enquanto falava sobre a importância da educação. “A educação é minha vida. A educação foi o que fez eu seguir. A educação foi o que fez com que eu acreditasse que eu podia sonhar”, finalizou o economista.

Continua após a publicidade

A dupla Israel e Rodolffo teve a honra de se apresentar ao lado de grandes nomes do sertanejo, como Zezé Di Camargo e Luciano. A dupla ainda se destacou e, segundo o “Movimento Country”, site que criou um ranking de apresentações no Criança Esperança, Israel e Rodolffo ficaram em quinto lugar.

Ação contra a Globo

Segundo o colunista Alessando Lobianco, Israel e Rodolffo entraram com uma ação contra a Globo. O portal teve acesso com exclusividade ao documento. Os sertanejos estão movendo uma ação não somente contra a Globo, mas também contra a Audiomix, com quem assinaram um contrato.

O escritório Audiomix era responsável pela negociação dos direitos das músicas de Israel e Rodolffo. A dupla alega no processo que começou a sofrer abatimentos nos royalts recebidos da Globo sem saber o motivo, e que por isso, notificou a Globo e a Audiomix para prestarem contas.

No entanto, a dupla afirma que nunca teve respostas da emissora ou da Audiomix, após várias notificações extrajudiciais enviadas pelo escritório deles.